Voce nao pensa em portar isso para outros Mtas ?

Ate mais,


> Estou disponibilizando o SpamMD5Trap 0.6.0, que tem alguns
> recursos novos.
>
> Ele coloca no cabeçalho do e-mail o MD5 do corpo, e usa isto
> para um novo recurso. Quem receber e-mail, e julgar que é
> indesejado, pode dar um forward para um outro e-mail configurado
> no arquivo spammd5trap.conf, e o MD5 anotado no cabeçalho
> passa a fazer parte da lista negra. Ou seja, usuários podem
> denunciar spam. A denúncia não será descartada, ficando no
> folder do e-mail de denúncia.
>
> Agradeço ao Rizzo por estar testando a versão 0.5.2 em seu
> provedor, e pretendo comunicá-lo para atualizar para a 0.6.0.
> Também o agradeço pelas sugestões, especialmente a de
> colocar o MD5 no cabeçalho do e-mail, e foi esta sugestão que
> me deu a idéia de criar o recurso de denúncia.
>
> O programa pode ser obtido em:
>
> http://www.goffredo.eti.br/downloads/spammd5trap_0.6.0.tbz2
>
> Ele é pequeno, rápido, consome pouca memória e CPU, mas só
> funciona no FreeBSD. Tentei compilar em um Debian GNU/Linux,
> mas faltavam algumas coisas mais básicas para ele funcionar.
> Se alguém quiser ajudar, será bem vindo.
>
>
> Obrigado pela atenção,
>     João Rocha.
>
> --
> [EMAIL PROTECTED]
> [EMAIL PROTECTED]
> http://www.goffredo.eti.br
>
> _______________________________________________
> Freebsd mailing list
> Freebsd@fug.com.br
> http://mail.fug.com.br/mailman/listinfo/freebsd_fug.com.br
>


-- 
Juliano S. Nascimento
SysAdmin - Unix/Linux


_______________________________________________
Freebsd mailing list
Freebsd@fug.com.br
http://mail.fug.com.br/mailman/listinfo/freebsd_fug.com.br

Responder a