Voce,  Allan, deveria ter dito isso em sua mensagem. Pelo menos um "estou a procura de outras soluçoes ou ideias para esse problema" ja tava bom.Tu nao achas?
 
Uma coisa que eu sempre pergunto para alguem que diz esse tipo de besteira:o que e uma pessoa normal?
 
E isto que eu vou dizer e algo que parte de minhas opinioes e convicçoes: eu nao acredito que existam superdotados! Apenas pessoas esforçadas que dedicam alguma parte de seu tempo aos estudos.Por exemplo, ce acha que so porque uma pessoa nao e "superdotada" ela deve desistir de aprender ou de saber mais que o que lhe ensinam na escola?Ce acha que aqui na lista as pessoas estudam coisas comuns?
 
Por exemplo, me contaram uma historia do Rui Lopes Viana (um dos ouros do Brasil na IMO) quando foi entrevistado por algum telejornal.Quando pediram para ele fazer uma conta (talvez uma multiplicaçao grande ou algo assim) enquanto outra pessoa ia na calculadora, ele nao foi mais rapido que a calculadora.Ce acha que isso diminui a capacidade dele em resolver problemas?
 
E por respostas sem-noçao como a sua que ja perdemos varias pessoas na lista.
 
Ate mais!!!Ass.:Johann 
 
 

Alan Pellejero <[EMAIL PROTECTED]> wrote:

Prezado senhor Cláudio,
 
eu li a referida mensagem.
A minha questão tratava de uma curiosidade que me foi despertada ao tentar resolver aquela integral. Deve-se haver um modo de calcular aquilo que vos passei.
Uma das belezas da matemática consiste em resolver o mesmo problema de diversas maneiras.
Talvez você esteja pensando que é tolice pensar dessa maneira, mas não sou partidário dessa opinião.
Se você não consegue - ou não quer - resolvê-la, deixe-a para outros resolverem, não há razão para se preocupar.
Não tenho culpa de estar querendo aprender !
Deve-se haver um modo de calcular essa integral, sem ser com o método que o Dr. Morgado e o Sr. Benedito me mandaram...Eis que estou à procura.
Agradeço pelo artifício por eles enviado, entranto, se eu os desconhecesse, o que eu faria, não resolveria?
Um solução é importante, mas não suficiente, ao menos para mim.
Se a sua capacidade elevada de resolução de problemas é como o é, deve ser por que um dia você quis aprender e teve alguém para ensinar, pelo menos o essencial.
Agora eu não sou de abandonar os problemas que me aparecessem pelo caminho, se eu estou o desafiando, irei até resolvê-lo!
Se não posso estar com visões diferentes, me desculpe.
E a você, desconsidere meus pedidos de auxílio; ajude pessoas de nível matemático igual ao seu. Aliás, da maneira como se comporta, creio que estás no lugar errado, deveria trabalhar com super-dotados, não com pessoas comuns que querem aprender matemática.
Pense a respeito.
 
 
 
 
 
 

Claudio Buffara <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
Cara, voce tem que ler as mensagens da lista! Tanto o Morgado quanto o Benedito te deram dicas de como calcular a area da hipocicloide - e ha 2 dias atras.

Eh por isso que os professores e alunos olimpicos estao desistindo da lista. O nivel dos problemas nao para de cair e, agora, pra piorar, as pessoas nao estao nem mais lendo as mensagens...

[]s e protestos,
Claudio.

on 23.04.04 09:14, Alan Pellejero at [EMAIL PROTECTED] wrote:


pessoal, me enrolei todo nessa aqui...

/
|
| [a^(2/3) - x^(2/3)]^(3/2) dx
|
/

o intervalo a considerar é de -a, a ( definida)

Obrigado!
Alan Pellejero




Yahoo! Messenger - Fale com seus amigos online. Instale agora!



Yahoo! Messenger - Fale com seus amigos online. Instale agora!


TRANSIRE SVVM PECTVS MVNDOQVE POTIRI

CONGREGATI EX TOTO ORBE MATHEMATICI OB SCRIPTA INSIGNIA TRIBVERE

Fields Medal(John Charles Fields)



Yahoo! Messenger - Fale com seus amigos online. Instale agora!

Responder a