Bom Rafael, eu tentei por esse caminho.
Esteja com lapis e papel para anotar direitinho hehehe eh meio grande.
 
Seja ABC o triangulo, o angulo interno de A=2a, B=2b e C=2c, onde 2a>2b>2c, logo o maior lado é o lado BC.
 
Agora tome I como incentro de ABC, M o pé da bissetriz relativa a BC, N o pé da bissetriz relativa a AC e P o pé da bissetriz relativa a AB.
 
Olhando para o triângulo AIB, como a>b podemos afirmar que BI>AI
Olhando para o triângulo AIC, como a>c podemos afirmar que CI>AI
 
Agora, se conseguirmos provar que IM<IN e IM<IP, terminamos nossa demonstração.
 
traçando os raios do círculo inscrito, formamos 3 triangulos retângulos com I e os pés das bissetrizes.
analisando esses triangulos, podemos dizer, pela propriedade dos angulos extermos, que o angulo M vale a+2c e o ângulo N vale b+2c.
como
a+2c > b+2c,
então MI<NI (as hipotenusas são inversamente proporcionais aos ângulos, facilmente demonstrado pela relação de seno)
Logo, ja sabemos que AM<BN.
 
tome o ângulo BPC, ele vale 2a+c.
tome o angulo AMC que vale a+2b  (ambos obtidos por ângulo externo)
Como BPC>AMC, o ângulo P do triângulo retângulo é menor do que o ângulo M, do outro triângulo retângulo.
Logo IP>MI
 
então, CP>AM
 
Creio que está provado que AM (bissetriz relativa ao maior lado) é menos do que BN e CP.
 
O que vocês acham (aqueles que tiveram paciencia de ler ate o fim eheh)
 
PS: com um desenho seria bem mais simples explicar.
 
Abraços do Rossi
 
 
----- Original Message -----
Sent: Sunday, April 25, 2004 11:41 AM
Subject: Re: [obm-l] A menor bissetriz e o maior lado de um triângulo

Acho que da para ir de trigonometria nao?Depois eu dou uma olhada...

rafsanco <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
Olá para todos !

Deparei-me com um teorema de geometria euclidiana plana
que dizia o seguinte: ao maior lado de um triângulo
corresponde a menor bissetriz. Tentei prová-lo da
seguinte forma (infelizmente não disponho de recursos
visuais, então usem a imaginação ou esboçem o desenho
num papel para compreenderem melhor o que digo): Seja
ABC um triângulo qualquer, BC seu maior lado, I seu
incentro, x a medida do angulo interno de vértice A, y
a medida do ângulo interno de vértice B, z a medida do
ângulo interno de vértice C, AM a bissetriz de x, BO a
bissetriz de y e CN a bissetriz de z. Sabe-se que x > y
e x > z uma vez que x é oposto a BC (suposto maior
lado). Analisando o triângulo AIC, vê-se que x/2 > z/2,
logo CI > AI. Observando o triângulo AIB é verdadeiro
afirmar que x/2 > y/2, portanto BI >! AI. Ora IM, IN e
IO são segmentos de reta congruentes, visto que são
raios da circunferência inscrita a ABC, então BI + IO >
AI + IM o que implica que BO > AM (BI + IO = BO e AI +
IM = AM), assim como CI + IN > AI + IM o que implica
que CN > AM (CI + IN = CN e AI + IM = AM). Enfim, está
demonstrada a tese AM < BO e AM < CN. A minha
demonstração é válida ou há algo nela que a compromete
(sei lá, algum argumento duvidoso, por exemplo) ? Vocês
conhecem alguma outra maneira de se provar esse
teorema ? Se sim, exponha-a por favor.

Abraços,

Rafael.

__________________________________________________________________________
Acabe com aquelas janelinhas que pulam na sua tela.
AntiPop-up UOL - É grátis!
http://antipopup.uol.com.br/



=========================================================================
Instruções para entrar na lista, sair da lista e usar a lista em
http://www.mat.puc-rio.br/~nicolau/olimp/obm-l.html
=========================================================================


TRANSIRE SVVM PECTVS MVNDOQVE POTIRI

CONGREGATI EX TOTO ORBE MATHEMATICI OB SCRIPTA INSIGNIA TRIBVERE

Fields Medal(John Charles Fields)



Yahoo! Messenger - Fale com seus amigos online. Instale agora!

Responder a