Exatamente, aplique a desigualdade do rearranjo

Em 12 de setembro de 2017 19:08, Leonardo Joau <leojoa...@gmail.com>
escreveu:

>
> On Tue, 12 Sep 2017 at 18:39 Bernardo Freitas Paulo da Costa <
> bernardo...@gmail.com> wrote:
>
>> 2017-09-12 17:51 GMT-03:00 Douglas Oliveira de Lima
>> <profdouglaso.del...@gmail.com>:
>> > Considere a sequência de números 1,2,3,4,5,...,2017.
>> > E uma certa ordenação deles a1, a2, a3, ..., a2017.
>> > Agora multiplique respectivamente os números das duas sequencias
>> > determinando assim uma nova sequência 1.a1
>> <https://maps.google.com/?q=1.a1&entry=gmail&source=g>, 2.a2, 3.a3, ...,
>> 2017.a2017.
>> >
>> > Qual o menor valor que o maior produto da última sequência pode assumir?
>>
>> Esse problema não é tão difícil quanto parece.  O que você tentou fazer?
>>
>> Abraços,
>> --
>> Bernardo Freitas Paulo da Costa
>>
>> --
>> Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antivírus e
>>  acredita-se estar livre de perigo.
>>
>>
>> =========================================================================
>> Instru�ões para entrar na lista, sair da lista e usar a lista em
>> http://www.mat.puc-rio.br/~obmlistas/obm-l.html
>> =========================================================================
>
>
> Parece uma aplicação da desigualdade do rearranjo.
>
> Link:
> https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Desigualdade_do_rearranjo
>
>
>>
> --
> Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antivírus e
> acredita-se estar livre de perigo.
>



-- 
Israel Meireles Chrisostomo

-- 
Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antiv�rus e
 acredita-se estar livre de perigo.

Responder a