Os grupos teatrais "Quarteto em Rir Maior" e "Sótãos e Porões" (do qual eu participo) arrendaram o espaço do antigo Teatro Nelson Rodrigues e agora, depois de uma série de melhorias e reformas, como a reconstrução completa dos banheiros, reforma do palco, novo equipamento de som e iluminação, nova pintura de exterior e interior, e muitas outras, e mais que ainda virão, re-inauguramos o espaço na quinta feira, dia 26/09, com o nome de "Teatro do Quarteto", "Sala Ricardo Calmon".
Neste dia, às 19:00h, foi realizado o corte simbólico da faixa de inauguração, e, às 21:00h a pré-estréia de "Delírio", uma peça de Antonio Ravan.
 
Como programação normal do espaço temos:
 
"Delírio", de Antonio Ravan, Drama, Livre
quintas, 21:00h, R$15,00
sábados, 21:00h, R$20,00
 
"Quarteto em Rir Maior", de Antonio Ravan, Comédia, Livre
sextas, 21:30h, R$15,00
domingos, 19:00h, R$20,00
 
Estudantes com carteirinha e maiores de 65 anos pagam meia.
 
O teatro fica na Rua Treze de Maio, 830, São Paulo, SP.
Tel: (11)283-0056
 
 
COMO PROMOÇÃO PARA MEMBROS DO GRUPO, ENVIEM-ME EM PVT CARTA DE INTERESSE DE QUALQUER UMA DAS DUAS PEÇAS QUE EU ENVIO O FOLHETO DE DESCONTO PARA SER IMPRESSO E ENTREGUE NA BILHETERIA PARA 50% DE DESCONTO!!!
 
 
Sinopses:
 
 
 
Delírio:
    Internado em um Hospital Psiquiátrico, um homem vive em dois mundos. Um real, sua relação com os médicos e os outros pacientes e outro irreal, suas alucinações com a Inquisição.
    Delírio compara a Psiquiatria com a Inquisição. Se antes, em nome da Fé, a igreja com seus padres encarceravam os feiticeiros "possuídos" pelo demônio, hoje, em nome da ciência, a medicina com seus psiquiatras internam os pacientes "possuídos" pela doença. Mudaram-se os termos mas o tratamento é o mesmo.
    A peça foi baseada no livro do Psiquiatra Thomas S. Szasz, "A Fabricação da Loucura", nos pensamentos do Filosofo francês Michel Foucault e nas idéias do Psiquiatra escocês Ronald Laing. Este último, com Szasz, criou no inicio dos anos setenta uma linha de pensamento e abordagem sobre a chamada doença mental que questiona a psiquiatria tradicional. A esse movimento, que com o passar dos anos cresceu em numero de adeptos dentro da psiquiatria, deu-se o nome de "Anti-Psiquiatria".
    A peça questiona a razão e o chamado "bem". O "Bem" que os inquisidores tinham absoluta certeza de estarem fazendo à Alma dos feiticeiros e o "Bem" que os psiquiatras acreditam estar fazendo à mente de seus pacientes.
 
 
 
 
 
 
Quarteto em Rir Maior:
 
    Quatro atores interpretam 39 personagens, retratando de forma irônica e debochada o cotidiano e a história do homem, em cenas curtas e ágeis. Estão presentes as novelas mexicanas, a idade média, os programas de auditório, os seqüestros, a tragédia grega, Hitler, Os Menudos (crescidos) e muito mais.
    Uma constante troca de personagens e situações que a crítica especializada aplaudiu:
 
    "Rafael Fernandes, a revelação do ano!" - Dona Margarida Fernandes
    "Antonio Ravan, gênio! Se superou." - Dona Fernanda Ravan
    "A consagração definitiva de Andrea Di Maio!" - Dona Irene Di Maio
    "Paulo Autran tem um concorrente, Fábio de Castro!" - Dona Nadir de Castro
 
 
 
 
 
 
=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-
Lista [EMAIL PROTECTED]
- Para assinar esta lista, envie e-mail para
[EMAIL PROTECTED]
- Para se desinscrever, envie e-mail para
[EMAIL PROTECTED] - mas pense bem antes! :)
- Para mais informacoes sobre esta lista, va' no endereco
http://www.grupos.com.br/grupos/piadas.news
- Qualquer duvida sobre a lista, escreva para
[EMAIL PROTECTED]
=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-

clique aqui Grupos.com.br
página do grupo diretório de grupos diretório de pessoas cancelar assinatura

Responder a