Caso de Mercado.

     Um japonês (Manoel Joaquim de Oliveira) chegou na máquina de
     refrigerantes automática do super mercado e leu a mensagem:
     - Coloque a moeda, aperte o botão.

     Enfiou a moedinha na fenda, apertou o botão e TCHAN, lá veio um
     refrigerante geladinho fazendo um barulho dos diabos por dentro da
     máquina até sair no buraco de retirada.

     O mesmo, espantado, retirou o refri do buraco e correu até os caixas
     onde trocou todo o dinheiro que tinha em moedas e voltou correndo até
     a bendita máquina de refrigerantes onde recomeçou a acioná-la.

     Enfiava uma moeda e  o refrigerante caía (fazendo aquele esporro
     tradicional). Pra cada refri que chegava no buraco de retirada, era a
     mesma cena:
     - Eh, Eh, Eh, Curalhos que fodam, de novo!!!!
     Lá pelas tantas, da fila atrás do FDP que já era imensa, alguém
     gritou:
     - O portuga do cacete, larga esta merda dessa máquina que eu tô com
     sede porra!!!!
     E veio a resposta:
     - Vai se afudere, enquanto eu estiver ganhando não paro. Ora porrrra!




---------------------------------------------------------------------
Você tem email?? Que tal mudar gratuitamente para [EMAIL PROTECTED]?
Visite http://www.email.com.br e faça seu pedido. Esse email é seu!
---------------------------------------------------------------------

Responder a