No meio da noite, na barraca em que os dois cientistas dormem, em
            plena selva, ouve-se o grito pavoroso:
            -- Aaaaaai! Socoooorrro! Uma cobra venenosa! E ela me picou no
            pênis!
            O outro desperta, atordoado, acende e lanterna e corre para o rádio.
            Consegue falar com um médico, que o orienta:
            -- Primeiro, tenha muito calma. Depois, pegue um canivete, faça um
            xis no local exato da picada. Por fim, chupe lentamente o veneno e
            cuspa-o.
            -- E então? -- geme o primeiro cientista, louco de dor. -- Que disse o
            médico?
            O outro tira o fone do ouvido, passa a mão na cabeça e responde:
 
            -- Má notícia. Você vai morrer.

Responder a