Sangue sobre Patópolis - Parte XIX
----------------------------------

REVELAÇÕES DO ALÉM

- Begônia Beagle, grande matriarca dos cães caucasianos, concedei tua vasta
sabedoria e virtude a estes Metralhas, vos-sos reles súditos que há séculos
esperaram por este momento sublime!

O fantasma de Begônia hesitou por alguns segundos e trovejou o que nenhum
Metralha queria ouvir:

- Seus idiotas!  Eu não sou matriarca de povo nenhum!  Eu fugi para as
Montanhas dos Magos para cuidar da minha vida!

- Mas reza o dogma canino-caucasiano - disse o Metralha Intelectual - que a
senhora voltaria ao mundo dos vivos para a suprema vingança...

- Quem foi o imbecil que inventou isso?  Não há vingança nenhuma! Os patos
venceram todas numa luta justa!  Será que depois de séculos apanhando e
apanhando, vocês não adquiriram um pingo de honra e dignidade?

- Mas nós tínhamos boa intenção, Begônia.

- E daí?  Lá de onde eu vim, estava em companhia de um monte de
bem-intencionados...  Eu odeio os cães caucasianos que condenaram meu amor por
Cornélio Patus!  Eu odeio os patos que assassinaram os anciãos caninos!
Cansei de ser uma pária; só minhas amigas bruxas me compreendiam...

Os Metralhas sobreviventes se entreolharam:

- Irmãos, tenho a leve impressão de que entramos numa fria...

- ...e tenho o ódio dos ódios pelo desgraçado que me arrebatou do descanso
eterno!

- Q-q-quem, a Maga Patalójika?  É melhor procurá-la no outro mundo...

- Não foi a Patalójika.  Eu vou achar o responsável...

O fantasma de Begônia encolheu até uma estatura natural e tomou contornos
nítidos.

- Eu estou sentindo cheiro de humanos!  Esses malditos humanos estão por
perto!  Foram eles os responsáveis por tudo!

*****

Enquanto isso, eu e Esther nos escondíamos no poço do elevador.  Eu ainda
estava apalermado com a estranha reação da Moedinha Número 1 que fez o corpo
de Esther brilhar por dentro.  Encostei o ouvido na parede: nada consegui
ouvir através daquelas grossas chapas de aço.

- Acho melhor sairmos daqui, Alvin.

- E se a saída do elevador estiver cercada por Metralhas?

- Duvido.  A explosão deve ter afugentado a todos.  Se aparecer algum, somos
imunes às armas dos Metralhas e ainda temos munição suficiente para as
nossas.

- Certo.  Vamos escalar o cabo e forçar a porta do térreo.

Quando Esther tocou o cabo, o inesperado: o elevador começou a descer!

- Quem ligou o elevador?

- Impossível!  A eletricidade foi cortada e o pão-duro do Patinhas não usava
geradores!

- Vamos ser esmagados!  Atire no fundo da cabine!

Prontamente abrimos fogo, mas nada conseguimos a não ser transformar a cabine
num queijo suíço recheado de ferros retorcidos e cortar acidentalmente o cabo
do elevador.  Agora a cabine descia em queda livre e seríamos esmagados em
segundos.  Esther fazia suas últimas orações.  Por um instante vi um
flashback de minha vida passar diante de meus olhos.

*****

Superpato, digo, Donald estava escondido numa moita em torno da Caixa-Forte.
Pressen-tindo um ambiente mais calmo, o herói novamente escalou as paredes
com suas botas de sucção.  Pé ante pé, Superpato chegou à porta do cofre
principal.

- Com Metralhas ou sem Metralhas...

Superpato usou seu lápis-maçarico e arrombou o cofre com facilidade.  Foi
apenas uma questão de abrir a porta e saltar na escuridão.

- Finalmente vou poder mergulhar no meu dinheiro!  É meu!  Meu!  Todinho
meu!!!!

O cofre estava completamente vazio.

(continua)

-- 


              [],
                 1.000ton
 ________________         _      
 \__(=======/_=_/ ____.--'-`--.___   Visite Minha Home Page:
            \ \   `,--,-.___.----'   http://users.sti.com.br/yamato
          .--`\\--'../               http://users.sti.com.br/stoledo
         '---._____./]               http://sites.uol.com.br/filpo
                                     http://users.sti.com.br/gtraxx
 Nós saudamos as estrelas            http://www.fconline.net

Nunca bata em um homem com óculos. Use as mãos, é mais eficiente.


---------------------------------------------------------------------
Você tem email?? Que tal mudar gratuitamente para [EMAIL PROTECTED]?
Visite http://www.email.com.br e faça seu pedido. Esse email é seu!
---------------------------------------------------------------------

Responder a