O menino importunando a mãe:
- Mamãe, me leva no cinema?
- Não, meu filho!
- Mas, mamãe, eu quero ir ao cinema!
- Já disse que não!
Aí o menino abre o maior berreiro.
- Pára de encher, moleque! Você tá cansado de saber que é cego!


Jacozinho chega para o papai e diz: 
      "Papa, eu queria um Chokito!" 
      Daí o pai fala: 
      "Vem cá, meu filhinho! Coloca o dedinho aqui nessa tomadita!" 


O garoto virou-se para o pai e perguntou:
- Papai, porque eu só ando em círculos?
- Cala boca, menino! Senão lhe prego o outro pé!


Dois canibais conversando:
- Eu não sei mais o que fazer com a minha mulher!
- Se você quiser, posso lhe emprestar o meu livro de receitas!


Um grupo de leprosos estava jogando vôlei quando, de repente, o juiz apita: 
- Mão na rede!
- É minha - responde um dos jogadores.


No quarto de um asilo dormiam mais de 20 velhinhos e havia uma
escarradeira, no centro do quarto, que eles usavam para cuspir. Como
ninguém nunca havia lavado a escarradeira, ela estava quase lotada e o seu
conteúdo estava até verde. Até que um belo dia, a escarradeira amanheceu
limpinha, parecia nova. Surpreso e ao mesmo tempo felizes, os velhinhos
quiseram descobrir quem tinha feito a boa ação.
Foram perguntando de um em um até que perguntaram para um senhor todo
curvado, magrinho, tímido que respondeu:
- Fui eu! É que ontem à noite quando eu fui cuspir, ficou um fiozinho
enroscado no canto da minha boca e aí eu fui chupando, chupando...


O menino após ter ganho um presente diz para o pai:
- Papai! Olha, sem as mãos!
- Papai! Olha, sem os pés!
- Papai! Olha, sem as pernas!
E o pai, irritado:
- Pára com isso menino! Me daqui essa Serra Elétrica!


Você sabe porque os Somalianos não vão ganhar nada nesse Natal?
- Porque criança que não come, não ganha presentes!


Dois garotinhos estavam brincando e de repente um deles começa provocar:
- Eu tenho uma bicicleta, você não tem! 
O outro ficou quieto.
- Eu tenho um autorama, você não tem! - tornou o primeiro.
O outro continuou quieto.
- Eu tenho um video-game, você não tem!
Aí o outro se enfezou:
- Você tem câncer, eu não tenho!


O garotinha chega para um amigo na escola e mostra-lhe uma das mãos fechadas.
- Advinha o que eu tenho nessa mão? - pergunta.
- Uma moeda!
- Errou!
- Uma bala!
- Errou de novo!
- O que é então!
Aí ele abre a mão com dificuldade e mostra os dedos tortos.
- Paralisia Infantil!


Às vésperas do Natal, o menino chega para o pai e pede:
- Papai! Papai! Eu queria ganhar uma bicicleta de Natal!
- Bicicleta, prá que? - responde o pai mal humorado. - Você já não tem uma
cadeira de rodas?


O que é Rosa... Castanho... Preto... Ding?
- Um bebê no microondas!


A garotinha vê a mãe pelada.
- Mamãe, o que é isso?
- É uma vagina, filha!
- E quando eu vou ter uma dessas?
- Quando você crescer!
No dia seguinte, pela manhã ela vê o pai saindo do banho:
- Papai, o que é isso?
- É um pênis, filha!
- E quando eu vou ter um desses?
- Assim que a mamãe sair para trabalhar!


No jantar, a mãe repreende o filho:
- Pedrinho, vê se não derruba carne na sopa!
Pouco depois:
- Pedrinho, cuidado para não derrubar carne na sopa!
Pouco depois:
- Pedrinho, eu já falei para você não derrubar carne na sopa! Credo! Como é
duro ter um filho leproso!


O filho pergunta prá mãe:
- Mamãe, o que eu vou ser quando crescer?
- Nada! Você tem câncer!


Concentrada, Aninha tentava furar o olho de um canário com uma agulha. De
repente, seu irmãozinho mais novo entra correndo na sala:
- Mana, mana, aconteceu uma tragédia! A vovó estava fazendo tricô na
varanda, e alguém esbarrou na sua cadeira de rodas. Ela caiu pela escada e
foi parar no meio da rua. Aí veio um caminhão enorme e passou por cima
dela... não sobrou nada da velhinha!
- Puxa, Pedrinho! Não faz eu rir, senão eu erro o olho do canário!


Manhã de Natal. O menino acorda e vai direto ver os presentes da Árvore de
Natal. Um a um, vai lendo os nomes constantes nos pacotes:
- Esse é para o meu irmão, para minha irmã, para minha avó, para a mamãe,
para o papai, para a tia Dorinha, para o tio Gilberto, para a Nancy. Ué...
não tem presente para mim! Corre para o quarto da mãe.
- Mamãe, mamãe, acorde! O Papai Noel não trouxe presente para mim!
Sonolenta, a mãe responde:
- É que, com um tumor no cérebro, ninguém imaginava que você fosse durar
até o Natal!


No aniversário do garotinho com câncer terminal, os convidados cantam:
- Parabéns prá você,
nessa data querida, 
muitas felicidades, 
Lá-lá-lá, lá-lá-lá.


A mãe ralhava com o garoto:
- Juquinha, tira o dedo do nariz!
Dois minutos depois:
- Juquinha, tira o dedo do nariz do seu avô! Logo depois:
- Juquinha, se você não tirar o dedo do nariz do seu avô, eu fecho o caixão
e tiro você do velório!


— Mamãe, eu não gosto do meu irmãozinho! 
— Está bem! Então deixa ele de lado e come só as batatas!


— Mamãe, cansei de brincar com o vovô!
— Está bem! Guarde os ossos no caixão, escove os dentes e vá dormir! 


Você sabe o que é que tem 100 perninhas mas não anda?
- 50 crianças paraplégicas!


Aquela família de sádicos estava passeando de carro quando de repente um
cachorro cruza a pista.
- Mata pai, mata pai! - gritam as crianças alvoroçadas!
Póófff! E o cachorro é esmagado pelas rodas do carro.
- Urra! - gritam as crianças.
Um pouco mais adiante é uma velhinha que tenta atravessar a rua.
- Mata pai, mata pai! - gritam as crianças alvoroçadas!
Póófff! E os cacos da velhinha se esparramam pelo asfalto.
- Urra! - gritam as crianças.
Um pouco mais adiante o carro derrapa numa curva um das portas dianteiras
se abre, a mãe é atirada para fora e rola em um despenhadeiro.
- Urra! - gritam as crianças, menos uma que começa a chorar.
- O que foi, meu filho - pergunta o pai. - A mamãe... - balbucia ele, entre
soluços.
- Você está triste porque a mamãe morreu?
- Não... É que eu não vi ela cair!!


---------------------------------------------------------------------
Você tem email?? Que tal mudar gratuitamente para [EMAIL PROTECTED]?
Visite http://www.email.com.br e faça seu pedido. Esse email é seu!
---------------------------------------------------------------------

Responder a