Em 05/12/07, Alan Messias<[EMAIL PROTECTED]> escreveu:
> Não é inquebrável. Se for levar ao pé-da-letra o conceito de "inquebrável".
> Pode ser que ainda não se tenha quebrado tal criptografia, mas ela não
> é inquebrável.
> Levando  em  consideração  que existem diversas formas de se conseguir
> descriptografar uma informação (não só pela força bruta), logicamente não
> é inquebrantável.
>
> Abraços,
> Alan MeC Lacerda
> a.k.a Inseto Verde
>

Talvez você não tenha lido o que eu escrevi com muita atenção.

Eu disse que a ciência não conhece uma maneira eficiente de fatorar um
número em seus fatores primos. O único jeito de fazer isso é à força
bruta, uma vez que a função usada pelos algoritmos de criptografia
assimétrica não tem volta. Mas os computadores atuais ainda levariam
tempo demais (centenas de séculos) para conseguir fatorar um número
tão grande à força bruta.

Então enquanto alguém não inventar uma forma mais rápida, ou
computadores mais rápidos, podemos considerar o RSA um método seguro.

Existe um projeto -- infelizmente não me lembro a URL e não consegui
achar rapidamente -- que tenta criar um banco com todas as chaves
possíveis de serem usadas pelo algoritmo RSA, e eles afirmam que já
conseguem quebrar muitas das chaves.

Todos os métodos de criptografia eram inquebráveis até que alguém
criou uma maneira :-)
Mas por enquanto a criptografia assimétrica é um método seguro.

--
Krishna



> On Dec 5, 2007 9:17 AM, Krishnamurti L. L. V. Nunes <
> [EMAIL PROTECTED]> wrote:
> >
> > Em 04/12/07, André Pinto< [EMAIL PROTECTED]> escreveu:
> >
> > > Caros colegas,
> > > Gostaria de saber se a criptografia assimétrica é realmente inquebrável?
> > > Pois estou pesquisando sobre o assunto e não consegui encontrar algo em
> > > desfavor dela.
> > > Peço desculpas se este tema foi debatido na lista.
> > > Abraços,
> > > André Pinto
> > >
> >
> > Podemos dizer que sim, porque a matemática ainda não criou uma maneira
> > eficiente de fatorar um número em seus fatores primos. Quando esse
> > número a ser fatorado é muito grande, a operação fica inviável para a
> > computação existente atualmente.
> > Se a computação quântica vier a se popularizar, como se espera para as
> > próximas décadas, então os computadores serão capazes de quebrar as
> > chaves de critptografia assimétrica.
> >
> > Referências:
> > http://pt.wikipedia.org/wiki/RSA
> > http://www.dicas-l.com.br/dicas-l/20070611.php
> >
> > --
> > Krishna
> >
> >
_______________________________________________
PSL-BA mailing list
PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
https://mail.dcc.ufba.br/cgi-bin/mailman/listinfo/psl-ba

Responder a