Nelson,

O problema não é o questionamento das ações do governador. Ele é nosso
representante público e é nosso direito e dever fiscalizar o que ele
faz. O único problema aqui foram as dezenas de e-mails revoltados
baseados em suposições. Melhor esperar que ele retornasse para
descobrir o motivo e o resultado da visita. Com base nisso tomaríamos
as medidas que julgássemos cabíveis. De outra forma, a discussão se
torna vazia e só serve para encher as nossas caixas de e-mail.

[]'s

Helton

2008/4/8 Nelson Pretto <[EMAIL PROTECTED]>:
> Ola lista!
> 1. alexandre, contra a indústria farmacêutica lutamos sim. eu luto., onde
> tiver espaço, tenha certeza disso. inclusive numa lista de SL, pois acho
> que, NO FUNDO, é a mesma coisa. E vale pela concentração do poder da mídia,
> pela desmatamento, e por aí vai!!!
>
> 2. e, no caso, é a mesma coisa do fato em questão. Num momento de crise como
> esta, na saude e na ausência de uma politica de TI mais consistente para o
> Estado, tem sentido um dirigente máximo do estado ir para um reunião a
> convite, por exemplo, da industria farmacêutica que quer vender um remédio
> X, sem análise técnica, para um estado que, se topar, vai comprar bilhoes de
> unidades a zilhoes de euros?!!! Claro que não...
>
> 3. o deputado Walter Pinheiro nao foi à essa reunião, foi contra a ida do
> Governador e continua, pelo que sei, continua lutando pelo SL e por uma
> politica de Ti mais consistente para a BA. Tenho contato com ele, pelo seu
> papel nesse cam po, e afrei chegar a ele a insatisfação de Isamar. Político
> (e que trabalha como ele) não pode deixar de responder às demandas da
> soceidade ( e de seus eleitores, né?!)
>
> Portanto meus caro, não é "briga", não é baixaria, não é picuinha: é
> política, SIM.
>
> Autoridade pública tem que dar conta do que faz.
>
> Política consistente se faz com ações consistentes. Cidadania, é - entre
> tantissimas coisas! - estarmos atentos às ações de todos os atores em todos
> os lugares. Alguém disse aqui: ninguem convida ninguem para banquete se não
> tem um sobremesa a ser pedida.. e os métodos são os mais esdrúxulos...
> seguramente ele não vai chegarde lá com um acordo assinado ... mas.... só
> deus sabe o que pode estar se passando...
>
> Por isso temos que questionar...
>
> abraços animado pela discussão
>
> neslon pretto
>
>
> 2008/4/5 Leandro Nunes dos Santos <[EMAIL PROTECTED]>:
>
>
>
> > Olá Alexandre,
> >
> >
> > > Sei qual o contexto dessa lista. Sim, eu li. Eu a leio há anos. O
> >
> > > software livre é movimento político agora?
> >
> > Parece que você leu a lista a tanto tempo, mas não percebeu  espírito
> > da coisa :)
> >
> > Não podemos separar o movimento do software livre da política. Na
> > verdade não podemos disassociar nenhuma atitude/positicionamento que
> > tomamos da política. Todas as suas ações/decisões são um
> > posicionamento político que você está tomando em relação a alguma
> > coisa e o apoio ao software livre é somente uma delas ;)
> >
> >
> > > Vão fazer uma petição pelo quê, exatamente?
> >
> > Agora tenho que concordar com você ainda não há o que se questionar
> > pois não se sabe o objetivo da reunião e como Pinheiro estava lá
> > presente duvido muito que saia algum acordo bizarro de lá, caso haja
> > realmente motivo para se reinvidicar apoio a decisão de escrever o
> > manifesto ;)
> >
> >
> > T+
> >
> > Dois Axé!!!
> >
> > -----
> > "Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível e de repente
> você
> > estará fazendo o impossível."
> >                                    São Francisco de Assis
> >
> > Leandro Nunes dos Santos
> > Bacharel em Ciência da Computação - UFBA
> > Membro do Projeto Software Livre Bahia - www.psl-ba.softwarelivre.org
> > Membro da Colivre - www.colivre.com.br
> >
> >
> >
> > Citando Alexandre Strube <[EMAIL PROTECTED]>:
> >
> >
> >
> >
> >
> > >
> > > 2008/4/5 Rafael Gomes <[EMAIL PROTECTED]>:
> > >
> > >> Alexandre,
> > >>
> > >> Você realmente sabe qual o contexto dessa lista???
> > >>
> > >> Acredito que não entendeu o foco da conversa.
> > >>
> > >> Não estamos querendo criar demônios. Por favor, não responda mensagens
> > >> como essa. Só gera confusão! Flames desnecessários. Se não tem nada a
> > >> acrescentar, não atrapalhe. Tente entrar em uma lista que discuta os
> > >> assuntos que relatou e reclame com eles sobre esse tipo de coisa.
> > >>
> > >> Não quero ser grosso. Releia esse texto quantas vezes for necessário
> que
> > >> que entenda isso.
> > >>
> > >> Em 04/04/08, Alexandre Strube <[EMAIL PROTECTED]> escreveu:
> > >> >
> > >> > Meu, que exagero! Parem de criar demônios. Se vocês querem protestar
> > >> > contra uma viagem paga, por que não vejo ninguém reclamar da
> indústria
> > >> > farmacêutica? Que deixa morrer gente em nome do DRM deles?
> > >> > Se informem, antes de sair falando bobagem.
> > >> >
> > >> >
> > >> Rafael Gomes
> > >> Consultor em TI
> > >> ITServ - Tecnologia com Segurança
> > >> (71) 8146-5772
> > >> _______________________________________________
> > >> PSL-BA mailing list
> > >> PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
> > >> https://mail.dcc.ufba.br/cgi-bin/mailman/listinfo/psl-ba
> > >>
> > >
> > >
> > >
> > > --
> > > []
> > > Alexandre Strube
> > > [EMAIL PROTECTED]
> > >
> >
> >
> >
> > _______________________________________________
> > PSL-BA mailing list
> > PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
> > https://mail.dcc.ufba.br/cgi-bin/mailman/listinfo/psl-ba
> >
>
>
>
>
> --
> Nelson Pretto
> HTTP://Www.pretto.info
> ====novos número================
> CELULAR ÚNICO: +55 71 8779 1906
> NOVO NA FACED/UFA: +55 71 3283 7205
> _______________________________________________
>  PSL-BA mailing list
>  PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
>  https://mail.dcc.ufba.br/cgi-bin/mailman/listinfo/psl-ba
>
_______________________________________________
PSL-BA mailing list
PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
https://mail.dcc.ufba.br/cgi-bin/mailman/listinfo/psl-ba

Responder a