Consumidores de telefone fixo e de internet banda larga de Salvador
ganharam uma nova opção na prestação de serviços. A GVT, empresa com
sede no Paraná, lançou nesta quinta-feira, 18, o seu porfitólio de
produtos em Salvador. São serviços de telefonia fixa, residencial e
coorporativa, e de internet com velocidades que variam de um a 20
mega.

Até pouco tempo, duas empresas ofereciam serviço de telefonia fixa em
Salvador, a Oi e a Embratel (Livre). Recentemente, a Tim também passou
a operar este serviço. Já a internet através do sistema ADSL,
utilizado pela GVT, só está disponível em Salvador para clientes Oi
Velox.

A empresa chega a Salvador com preços agressivos em relação ao que é
praticado no mercado. Na Oi Velox, o pacote de 1 mega mais 350 minutos
de ligações custa R$ 164,90. Este valor não inclui provedor de acesso.
Na GVT, o plano com 300 minutos para chamadas mais internet de 1 mega
custa R$ 101,15. A GVT não obriga o consumidor a contratar provedor.

Na tecnologia ADSL, os sinais de dados (internet) e as ligações
telefônicas trafegam pela mesma fiação. É por isso que o consumidor
não pode utilizar na mesma linha telefônica serviços serviços das duas
empresas simultaneamente. No valor cobrado pelas duas companhias
telefônica não está embutido o aluguel do modem, que também pode ser
comprado em lojas especializadas.

Nos dois casos, a contratação do serviço de internet também está
associada à contratação do serviço de telefonia fixa. O vice-
presidente da Unidade de Varejo da GVT no Brasil, Alcides Troller
Pinto afirma que, na composição dos pacotes, o modem muitas vezes é
fornecido em sistema de comodato e que não há necessidade de
contratação de um provedor, o que barateia o custo da GVT em relação a
outras operadoras

"Comparar preço é um assunto delicado se o consumidor não observar os
serviços associados ao pacote que está contratando", afirmou o
executivo da GVT. De acordo com ele, a empresa já colhe bons
resultados com os consumidores baianos. "Fizemos uma pesquisa de
mercado e constatamos que cerca de 50% dos usuários de serviços como
os que oferecemos estão insatisfeitos com a sua operadora", disse.

De acordo com ele, também foi levantado o perfil do consumidor baiano
como uma pessoa receptiva a novidades do mercado e atento às novas
tecnologias. "Observamos, também, que o baiano é um bom negociador,
sabe observar se o serviço que é oferecido atende às suas
necessidades", disse.

Há oito anos no mercado, a GVT atende as regiões Sul, Sudeste e Centro-
Oeste, contabilizando mais de 1,54 milhão de linhas telefônicas.
Salvador é a porta de entrada da operadora no Nordeste. Com um
investimento inicial de R$ 50 milhões a empresa possui capacidade
inicial para atender a 45 mil usuários de telefonia fixa e internet.

A estimativa é aumentar o atendimento para 65 mil usuários em dezembro
de 2008 e 85 mil até junho de 2008. Neste primeiro momento, a GVT está
em Amaralina, Barra, Caminho das Árvores, Canela, Comércio, Graça,
Jardim Apipema, Pituba e Vitória. De acordo com Alcides Pinto, os
bairros foram selecionados de acordo com a demanda e a abrangência do
serviço será ampliada a medida que forem instaladas as novas redes.

Fonte: Atarde On-Line


*Há comentários de que inicialmente eles iriam cobrar 50 reais pelo serviço
de 1 mega, porém a oi entrou na justiça para impedir, e eles foram obrigados
a aumentar o preço, pessoalmente me senti lesado e estou altamente
indignado, acho que não podemos deixar isso acontecer. Ou seja, a oi não nos
traz um bom serviço em comparação com outras grandes cidades, e ainda,
impede que outras tragam um bom serviço a preços acessíveis! Isso não
existe, pessoal vamos correr atras do prejuízo.*
-- 
Marcelo Fábio Filho
Profissional em Tecnologia da Informação

Website: http://www.marcelofabio.net
Blog: http://blog.marcelofabio.net
Fórum: http://forum.marcelofabio.net
_______________________________________________
PSL-BA mailing list
PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
https://listas.dcc.ufba.br/cgi-bin/mailman/listinfo/psl-ba

Responder a