Fagotti,

O Governo não paga nem conta de luz, vai pagar pesquisa?
Que nada meu velho, deixa para o próximo mandato. Tem copa do mundo,
depois tem a comemoração da copa, ai tem eleição e deixa para lá.

Mais seis meses perdidos... :(


Em 07/06/06, Julian Carlo Fagotti <[EMAIL PROTECTED]> escreveu:

De novo, creio ser algo de interesse do Governo Federal. O Programa refere-se a 
inclusão digital. O software livre entra como ferramenta legal para 
viabilizá-lo.
 Não faz sentido o Governo Federal incentivar a pirataria. Então esta pesquisa 
feita pela Positivo Informática, para atender o interesse comercial, deve ser 
feita pelo governo, que tem outro enfoque sobre o mesmo programa. Não adianta a 
gente ser esperto, inteligente e audaz, e querer adivinhar o que se passa na 
cabeça destes 75%. Temos que perguntar para eles. O governo contrata uma 
pesquisa. e daí projeta a ação. É assim que se faz numa sociedade de massa. É 
assim que se faz em camapanha eleitorial. É assim que o capitalismo faz. É isso 
que a Positivo fez.

Em 07/06/2006 às 16:45, "" <psl-brasil@listas.softwarelivre.org> escreveu:

Seria interessante se elas compliasse um banco de dados sobre os motivos da 
troca.

 Acho que qualquer empresa responsável, que vende um produto e está interessada na 
satisfação do cliente deveria procurar saber os motivos de uma "rejeição" tão 
alta. O razoável seria achar que elas deveriam estar interessadas em ouvir o cliente para 
aprimorar o seu produto.

Ou não se trata do produto dessas empresas? Eu acho que é sim, que o tal PC com 
o Linux é um produto delas. Elas integraram, elas estão vendendo. Até mesmo 
porque distribuições Linux existem as mais diversas e diferentes entre si.

Ou será que estas empresas só estão mesmo é interessadas na isenção fiscal e em aumentar 
a venda desse monte de peças "importadas" que elas chamam de PC?

Abraço,

ASF





 Abraço,


On 6/7/06, Julian Carlo Fagotti <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
>
>
>                                                                    IDG Now!   
                                     »                                             
                                          Computação Pessoal                       
                       »                                                Sistemas 
Operacionais                                                                       
                                                                                   
        
>
>                                                                               
                                     
> Consumidor compra computador com Linux e troca por Windows                    
                     
> Por Ralphe Manzoni Jr. editor executivo do IDG Now!                           
             
> Publicada em 07 de junho de 2006 às 14h49                                     
     
> Atualizada em 07 de junho de 2006 às 14h51                                    
             
>            E-mail |                                                Imprima |  
                             Erros? |                a               a             
  a                                               
>
>
> São Paulo - Segundo pesquisa da Positivo, 75% dos consumidores que compraram 
computador com Linux trocaram por Linux em até 3 meses.                            
                                                                                   
                 O consumidor que compra um computador equipado com o sistema 
operacional Linux troca pelo Windows, da Microsoft. Isso é o que indica uma 
pesquisa conduzida pela fabricante de computadores Positivo.
>
>  A empresa ouviu 200 compradores de sua linha de computadores com o sistema 
operacional Linux, em novembro do ano passado, antes de começar o programa de 
inclusão digital do governo federal, o Computador Para Todos.
>
>  Segundo a pesquisa, 65% dos consumidores trocaram o Linux pelo Windows no 
primeiro mês de uso do computador. Outros 10% fizeram a troca em até três meses. 
Apenas 25% se mantiveram com o Linux.
>
>  Um outro fabricante de computadores, que não quer ser identificado, disse 
que 90% das chamadas para o seu call center são de pessoas que trocaram o Linux 
pelo Windows e estão tendo problemas com a instalação de alguns drivers ou com o 
acesso a internet.
>
>  Nos dois casos, as empresas dizem que não perguntaram se as cópias 
instaladas do Windows eram piratas.
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista:
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>
>



_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil





--
Paulino Michelazzo
http://www.fabricalivre.com.br
Mobile BR: +55 83 9992-7192
Office PB: +55 83 3235-4386
Office SP: +55 19 3119-7386
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a