Sejamos pragmáticos.

Se os usuários encontrarem uma máquina Linux 100% livre e não puderem jogar, tocar MP3, assistir DVDs ou acessar a internet porque as implementações de alguns componentes importantes são proprietárias e, por isso, saírem por aí dizendo que "Linux é uma merda" ou que "é pra nerd que gosta de resolver problemas", eu acho que terá sido um passo enorme na direção errada.


O primeiro passo é quebrar os vários monopólios da MS - de interface de usuário a formatos de dados. Precisamos instabilizar esse sistema para que mudanças possam acontecer. O objetivo maior dessa lista é promover o uso de software livre, não atirá-lo contra uma muralha de concreto.

Afinal, se o computador que você usa fosse 100% livre, da especificação à implementação, não seria um x86, não teria BIOS e os discos, provavelmente, seriam usados sem encostar no firmware deles. Eu acho que não existe ainda nenhum computador em que tanto hardware como software e firmware sejam totalmente livres.

Se formos radicalizar isso, vamos ficar sem computadores.

Pelo menos papel e lápis são livres.

Alexandre Oliva wrote:
Se você vai defender a promoção e adoção de software proprietário, por
favor faça isso em outro lugar.  Isso é off-topic na lista do Projeto
Software Livre.

_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a