Prezada Ada e Demais,

(Respodendo na lista.)

Espero que tenha me entendido. Vejo com tranquilidade que não é o seu
caso pelos vários motivos que expressas aqui e pelo qual tenho
observado na sua luta diária por estruturas mais decentes para nosso
país. Vejo que fazes mais pelo movimento de SL e outras questões
nacionais do que muitos que aqui escrevem. Acredito que pela suas
atribuladas tarefas e afazeres diários não tens tempo e alguém com
técnica para ajudar-lhe no que desejas (a conversão).

Não, não sou fanático religioso como disse o Evandro. Mas, tenho
observado aqui discursos vazios, cheios de marketing global e pessoal
que não agregam nada ao movimento, sejam em binários, sejam
estruturantes ou e de ações concretas. Por isso várias pessoas que
possuem algo a dar verdadeiramente ao movimento estão se afastando
dando vez a ganços.

Quanto a Dataprev, como vários outras entidades públicas em nosso
país, foram delapidas por entidades externas, pelos seus
administradores públicos do passado/presente e/ou por funcionários
incompetentes mesmo. Com tanto, não acredito que a privatizações sejam
a solução para este país. O que temos é um monte de mafiosos aqui no
país que deveriam estar na cadeia, seja ele civil, militar,
partidários, privados ou qualquer outra coisa.

O que muita gente faz em nosso país, é cuspir no público para cuidar
do seu privado, esquecendo-se que tem que passar pelo primeiro! Ainda
não inventaram o tele-transporte!!!!


ps: Ada, lamento a sua saida !

Inté,
--
Dennis S. Faria
------------------------------------------------

2006/7/30, Ada Lemos <[EMAIL PROTECTED]>:

Dennis,

Hoje, estou me despedindo desta lista como postadora de mensagens,e
manifestação própria. Esta questão aqui sendo abordada é sobre a minha
última publicação de matérias.
Trata-se de entrevista com Soares, uma gente muito boa, que ganhou o abacaxi
do tamanho do mundo pra bem descascar a favor do cidadão via Dataprev de
inegável importância para o Brasil Ao Soares, os melhores votos de que dê
conta do recado, porque isto representará evoluções substantivas para todos
nós.
E foi devido à sua importância vital que aqui coloquei a entrevista do
Soares para conhecimento de quem se interessa por algo desta magnitude num
empreendimento de TI.
O mais engraçado é que esta entrevista foi dada ao Queiroz da Convergência
Digital, considerado um polemicista, um polêmico daqueles, o q nos faz
refletir que não podemos ter comportamento excludente com nada, a não ser
com o desrespeito ao ser humano e à natureza, ou dentro da outra e
vice-versa.
E, pra concluir, é com vc, a quem mais me emocionou em meu aniversário com a
sua mensagem mais generosa, e que por ela me torna ainda mais afim de ser
responsável e fazer e dar o melhor de mim , que despeço de vez desta lista
como membro ativo, ficando mesmo como leitora habitual.Foi providencial vc
ter aparecido aqui agora pra me despedir atravé de vc, porque vc é alguem a
quem sempre estarei firme nas minhas decisões de fazer o que a minha
consciênciaa cidadã me manda fazer e que só é possível atravé do SL, do
conhecimento livre.
Ganhei um computador que ainda não me foi entregue e que virá com SL,
continuo a trabalhar, praa super tristeza minha, com um notebook com M$,
como é emprestado não posso fazer nada.
Espero que quem me deu o computador o possa entregar rápido pra eu parar de
sofrer com este mico todo.
Espero tb que quem me emprestou este notebook possa me permitir a troca do
SO.
Por que, de repente, pra trabalhos fóra da minha estação terei de continuar
com este notebbok emprestado com coração por mais tempo, já que o Parlamento
Livre e seus parentes vão me exigir mobilidade.
Tudo de muito bom pra vc e pra quem usou esta entrevista para discutir algo
tão fundamental.
Tenho enorme vontade de conhecê-lo pessoalmente.
Fortes abraços.
Fui embora de vez.
Bjs,

Ada



On 7/30/06, Dennis <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
>
É como o Marcelo falou,

e digo mais, o que tem de empresas de olho na
Dataprev e nos seus dados que podem subsidiar empreendimentos
diversos, escusos ou não. E vejam, que não são poucas, nacionais e
estrangeiras, sem falar dos capitães do mato(funcionários e outrens)
que visam dinheiro fácil ou subsidiado pela coisa pública.

Por fala nisso, Cleber não acredito em falas daqueles que
ainda utilizam cliente de e-mail (X-Mailer: Microsoft Outlook IMO, Build
9.0.2416 (9.0.2910.0) veja no e-mail abaixo) perante o movimento de
Software Livre. ** Exceção para aqueles que estão se capacitando para
 transição **. E vejo que são muitos que persistem ainda na utilização
de software proprietário e que para mim são um peixe estranho nesta
lista!


Inté,
--
Dennis S. Faria
Comunicadores On-line
 Jabber: [EMAIL PROTECTED]
ICQ: 2687838

Visitem!
http://www.greenpeace.org.br; http://www.softwarelivre.org
------------------------------------------------------

Em Sat, 29 Jul 2006 20:46:34 -0300
"Cleber Vieira Baptista" <[EMAIL PROTECTED] > escreveu:

> From: "Cleber Vieira Baptista" <[EMAIL PROTECTED]>
> To: "Projeto Software Livre BRASIL"
> < psl-brasil@listas.softwarelivre.org> Subject:
[PSL-Brasil]  A
> Dataprev NÃO tem que existir Date: Sat, 29 Jul 2006 20:46:34 -0300
> Reply-To: Projeto Software Livre BRASIL
> < psl-brasil@listas.softwarelivre.org> Sender:
> [EMAIL PROTECTED] X-Mailer:
Microsoft
> Outlook IMO, Build 9.0.2416 (9.0.2910.0)


_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil



_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil


_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a