[EMAIL PROTECTED] wrote:
Há alguns bons motivos para se usá-lo e eu,
pessoalmente, preferiria que fosse assim.


Vc vê motivos para NÃO Usá-lo?

Sim. Quando abrimos o código de um produto, estamos expondo suas vulnerabilidades publicamente. Vamos imaginar a possibilidade de alguém mal-intencionado descobrir uma vulnerabilidade explorável e mantê-la em segredo, para uso próprio. A nossa experiência diz que, com o código aberto comum, há mais pessoas bem-intencionada olhando o código do que pessoas mal-intencionadas. Não sei se podemos garantir que existam mais especialistas bem-intencionados do que especialistas mal-intencionados sempre e em sistemas com esse papel.

Verdade que sem lá muita
convicção, já que existem bons motivos para se atingir uma
auditabilidade adequada por outros meios.

Uma pena vc não ter muita convicção em defender o uso
de SW Livre e Open Source em Sistemas Eleitorais.
Quais seriam os "outros meios" para uma auditabilidade
adequada?

Teria que ser uma entidade externa ao TSE. O TSE não deveria ser ao mesmo tempo responsável pela execução da eleição e pela sua fiscalização como parece ser hoje. Apenas olhar o código e dar pitacos sobre ele não ajuda em nada se o processo e a fiscalização dele continuarem sob a guarda da mesma entidade. É a proverbial raposa tomando conta do proverbial galinheiro, com a diferença de que teríamos aberto uma janela à prova de som para olhar. "É melhor do que nada" diriam alguns, mas uma forma absolutamente segura de nunca se resolver bem um problema é resolvê-lo mal.

Os caras NÃO
sabem como funciona e as CAGADAS vão ficar expostas.
Mais fácil usar "pacotes" fechadinhos e auto-instaláveis.

Não acho que a maior preocupação seja a de mascarar incompentes bem-intencionados tanto quanto poder mascarar competentes mal-intencionados conforme conveniente.

Nunca se esqueça. Soluçoes LOCAIS só serem para problemas
LOCAIS e podem dar impressão de FALSA segurança em outros
momentos/ambientes. Como não temos "poções mágicas" seria
melhor Sw livre/open Source NO SISTEMA ELEITORAL ao invés
de somente nas urnas.

Acho que estamos falando a mesma língua. Mas resolver pontualmente a questão das urnas não é nem mesmo possível sem se resolver os outros problemas que foram descritos nesse thread. O software é apenas uma pequena parte do todo que precisa ser repensado. Nem todo o software livre do universo tornaria seguro um sistema em que um técnico carrega nos seus bolsos cartões CF que pode instalar nas urnas e relacrá-las depois, com os lacres do outro bolso (isso foi dito algumas mensagens para trás)

Como tenho dito...

De fato, parece que estamos falando de subconjuntos diferentes do mesmo problema.
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a