Para isso há outros mecanismos mais apropriados, como certificado digital, contendo assinatura idem. E isso já está sendo feito, progressivamente.

Então imaginenos um documento pdf com assinatura digital. Teoricamente é intocável, imexível? :)

Mas tentei dar mais enfoque na escolha de padrões de texto. Entre, por ex, doc, rtf, odt, pdf, ou mesmo txt, htm, xml. No modo como as informações são apresentadas, visualizadas pela população "normal", que não é geek, não é nerd, não é hacker.

Além disso, falsificar documento público (e também particular) continua sendo crime previsto no Código Penal.

[]s


----- Original Message ----- From: "Marcelo D'Elia Branco" <[EMAIL PROTECTED]>
To: "Projeto Software Livre BRASIL" <psl-brasil@listas.softwarelivre.org>
Sent: Wednesday, September 13, 2006 7:53 PM
Subject: Re: [PSL-Brasil] Dominio Publico só em PDF?


Em Qua, 2006-09-13 às 19:24 -0300, Omar Kaminski escreveu:
Minha crítica ao PDF, que está se alastrando no Legislativo e Judiciário
como praga, é que ele não permite alterações.

Esta é a vantagem, no meu entender. Em alguns casos de documentos
oficiais isso é desejável. Alguns documentos nao deveriam ser fácies de
ser alterados mesmo.

marcelo



_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a