Jornal O Globo de hoje:

*EMI desiste de seu sistema anticópia
*
Além de não impedir a pirataria, alguns CDs não tocavam no som de carros

Sem alarde, desde julho a EMI Music desistiu de usar a tecnologia que
impedia a cópia de seus CDs para computadores e tocadores de música
digital, como o popular iPod. Introduzido a partir de 2002, o programa
Copy Control foi inicialmente adotado pela EMI, e em algumas regiões do
mundo, também pela Sony - que depois abandonou  o dispositivo -, para  o
protesto de muitos consumidores que se sentiam lesados no direito de
fazer cópias para uso pessoal ou transferir CDs para aparelhos digitais.

Cópia que, na verdade, eram vetadas apenas para os consumidores comuns.
Gente com mais habilidade na informática logo quebrou o feitiço, e os
discos da EMI caíram na grande rede, disponíveis nos sites de troca de
arquivos musicais como eMule, soulseek e LimeWire - que a indústria do
disco tacha de ilegais.

Além de não ser infalível, a tecnlogia Copy Control. apresentava
problemas, não permitindo a reprodução de discos em alguns modelos de
CD-player, principalmente nos de carros. No início deste ano,
respondendo aos protestos de fãs de Marisa Monte - que compraram
"Universo ao meu redor" e "Infinito particular" e não conseguiram
transferi-lo para seus iPods -, o presidente da EMI, Marcos Maynard,
argumentou em entrevista ao GLOBO que esse era um procedimento mundial
da EMI, aplicado a todos os CDs comercializados pela empresa. Segundo
ele, a EMI teria aperfeiçoado o programa: "O sistema CDS 200, criado em
2002, não permitia cópia alguma, mas, desde janeiro deste ano, o novo
programa, CDS 300, possibilita até três cópias por CD, menos para
iPods". Para os usuários de iPod, a recomendação na época era de que
comprassem os arquivos em sites que vendiam música digital no Brasil,
como o iMusica - mas este também não era compatível com os aparelhos da
Apple.

A decisão de acabar com o dispositivo Copy Control tomada pela EMI
Internacional parece mostrar que nesse cabo-de-guerra os consumidores é
que tinham razão.

(Antônio Carlos Miguel)
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a