Gustavo Noronha Silva wrote:
A "debrandização" do FF não é trabalho de criança. Você precisa de um
trabalho considerável para viabilizar tecnicamente o que (de fato)
parece simples em primeira olhada.


Tirando a coisa de se retroportar as melhorias de segurança para a série 1.0.x do FF, é mesmo necessário fazer alterações no código do FF para que ele fique mais "Debianizado"?

A essa altura ficou tudo muito confuso:

1) O problema é a extensão dos patches aplicados pelos desenvolvedores do Debian que descaracteriza o Firefox
2) O problema é que os patches não são aprovados pela Mozilla Foundation?
3) O problema é o pessoal do Debian que não quer esperar pela benção do pessoal da MF sobre os patches deles?
4) O problema é o uso do nome sem o uso da raposa no ícone?
5) Quais as condições que modificadores da versão Debian teriam que atender para que o derivado deles também pudesse se chamar Firefox?
6) O que aconteceu com "Firefox, Fulano Edition"?

É um erro estratégico forçar esse fork.

Concordo! Conversa lá com o cara do Mozilla Corp pra eles serem mais
sensatos =).

Eu acho que o pessoal do Debian tem mais a perder do que o pessoal do FF.

Fora isso, essa confusão ainda vai ser um prato cheio pras fábricas de FUD.

No fim. todo mundo perde, e bastante.
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a