Em 06/11/2006, às 23:34, Nelson Ferraz escreveu:

"Numa violação crua e real, a Casa Branca impediu a importação direta de computadores produzidos pelos maiores fabricantes mundiais destes dispositivos, como Intel, Hewlett Packard, IBM ou Macquintosh. Inclusive, para obter uma delas, o país deve pagar até um 30 por cento mais de seu valor real" -- puxa... como são cruéis! É claro que, sem o embargo, Cuba produziria computadores 50% mais baratos, e 10 vezes mais rápidos do que aqueles do império capitalista...

Não havia lido este trecho, mas achei curioso essa questão de pagar 30% mais do seu valor real ser um lance da Casa Branca . . . Vejam só: aqui no Brasil um notebook Apple de U$1500,00 sai por R$6599,00 (equivalente mais ou menos a U$3000,00). Ou seja, pagamos o DOBRO do produto original (sem impostos e tal). Será coisa dos gringos?!?!?! ;-)

[ ]s,

OJr._______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a