Muito bom o teu texto ..

Realmente eu tambem não vejo como o acordo fere a GPL.
Se eles unem forças ... criam produtos em conjunto , vendem
e ainda seguem a GPL. Não é isso que todos queremos..

Acho que o esta acontecendo é que a FSF esta visualizando
que  a MS pode ser tornar um grande empresa de Software Livre.

E isso fere o Ego do SR RMS, a velha história do GNU/Linux.

E se a microsoft criar uma distribuição linux para competir com as
outras??? E pior, se ela colocar a casca do Vista no Linux? Assim
como a Suse fazia com o Yast?

Concerteza eles vão vender para muita gente, pq eles tem recursos
e canais para isso que outras empresas não tem.
Eles tem equipes que podem gerir a inovação vinda da comunidade.

Veja... eles acabaram de liberar toda a biblioteca de Ajax como software livre.
Vai ocorrer uma patronização de AJAX no .NET. Pois todas as linguagens
tem acesso.

Olhando pelo lado do php, java , e outros .. existem centenas de framewoks
de ajax, muitos incompletos e com caracterista distintas um dos outros.

Concertesa o Ajax da MS sera muito mais difundido e usado..
e consequentemente receberar muito mais contribuições que os outros.

bom.. a discussão é longa..
mas o teu texto esta muito bom





Fábio Emilio Costa escreveu:
Olá!

Na minha (modesta) opinião, existe algumas questões que devem ser resolvidas sobre isso...

Eu postei algumas opiniões baseadas no meu conhecimento (que pode ser pequeno). Gostaria de saber o que vocês acham:

http://hogwartslinux.wordpress.com/2007/02/06/o-que-define-liberdade-de-software-em-software-livre/

Em 05/02/07, *Pedro A.D.Rezende* <[EMAIL PROTECTED] <mailto:[EMAIL PROTECTED]>> escreveu:

    Fernando Palho escreveu:
    > Minha opinião...
    >
    > a) Impedir parcerias entre empresas é ridiculo.....

    Não são licenças, mas leis anti-trust, que sob certas condições as
    impedem.

    Nos EUA (pioneiros em legislação antitrust), impedem-nas desde 1917.
    Quem achar isso ridículo, que vá se queixar ao bispo ou aos
    legisladores
    (aqui não adianta).

    O que a GPL v3 pode fazer, como licença, é incluir cláusulas que a
    invalidam em condições semelhantes, para enriquecer as opções de
    mecanismos legais que servem para desencorajar certo tipo de
    "parceria".

    Ao licenciar seu programa, o autor, que não tenha vendido sua alma
    pralgum capitalista, é livre para escolher a licença que quiser: a
    GPL
    v3 será apenas uma opção, que desencoraja certo tipo de "parceria".

    Quem achar a GPL v3 ridícula, que escolha outra licença para seu
    software (p.ex., a EULA do Vista), ou o software de outro pra usar ou
    para ganhar dinheiro com ele.

    Por falar em ridículo, o que dizer de quem posta nessa lista pitaco
    sobre abusos monopolistas na área de TI sem entender patavina de
    legislação antitrust, autoral e patentária?

    > b) Quanto a maior a integração entre Win e linux é bom para ambas as
    > partes.

    Isso é a isca.
    >
    > c) no caso da M$ fazer oq oq diz acima,
    >
    > i) Parte do acordo da Novell com a Microsoft pode ser entendido
    como uma
    > espécie de "cross-licensing" entre as empresas. A questão é q,
    desta forma,
    > a Novell estaria admitindo q há propriedade intelectual da MS na sua
    > distribuição GNU/Linux (e no projeto GNU como um todo).
    >
    > Tambem é ricidulo - pois o projeto já esta em GPL, não tem como
    > mudar....ridiculo tambem..mas é M$ neh

    Uma coisa é a licença com que o software é distribuido, outra
    coisa são
    patentes que possam incidir sobre esse software. Quem não entende
    isso,
    deve ler, até entender, leis de direito autoral, de patentes, e
    licenças
    (de obra autoral e de patentes).

    Em especial, a parte da GPL que trata da possibiliade dalguma patente
    ser eventualmente em juízo alegada incidente sobre o objeto da
    licença.
    Se o fizer antes de postar, a título de opinião, asneiras e
    disparates,
    parecerá aqui menos ridículo.

    >
    > d) claro que se a novell/m$ desenvolver aplicativos ou plugins, que
    > acrescentem algo +
    > ( tipo como já tem o open office novell custom que aceita o vba do
    > office2x) e cobrem suporte atualização sobre isso, e a M$ depois
    algo mas
    > sobre eles especificos ai sim temos q questionar a licenças
    sobre isso.
    >
    > e) Logico que o MKT da M$ é Sensacionalista ,mas oq temos q
    rever são os
    > fatos, a novell patentiou algo que estava sobre GNU????

    ??????????????
    Código não se patenteia!

    Mesmo em países onde o absurdo configurado pelas chamadas
    "patentes de
    software" é formalmente aceito, aquilo que esse termo (patentes 'de
    software') designa são patentes sobre métodos ou processos. Que podem,
    ou não, ter sido alegadamente implementados em código *sob* GNU-GPL.

    Mesmo que a Novell, ou a MS, tenha várias de tais patentes, fica a seu
    critério dizer, ou não, em juízo, contra ou a favor de quem seja, que
    esse ou aquele código implementa este ou aquele método sob patente
    sua.

    Até lá, e até o julgado final, se sentido houvesse em dizer "patentear
    algo que estava sobre (sic) GNU", seria em sentido meramente
    especulativo. E era justamente do poder de chantagem desse tipo de
    especulação, expresso pela pergunta retórica acima, de que falávamos.

    De sua parte, esse pitaco confirma o valor de chantagem em tela, na
    medida em que mostra que há gente que acredita em asneiras como as
    que
    foram ditas acima, a ponto de, na maior cara de pau, postá-las
    aqui. Arre!!

    > PS: se fez isso é ilegal ,ai já são outros 500...

    E bota 500 nisso!!!!!!...
    >
    > F) E por fim estamos falando de empresas lucrativas que querem o
    lucro, não
    > podemos simplesmente dizer gaste milhoes e de tudo free e só
    cobre suporte.


    Esse está na lista errada. Aqui, isso fica parecendo troll.
    Aliás, pela linguagem, talvez não tão pseudonimizado assim.

    > On 2/5/07, Pedro A.D.Rezende <[EMAIL PROTECTED]
    <mailto:[EMAIL PROTECTED]>> wrote:

    --
    -------------------------------------------
    prof. Pedro Antonio Dourado de Rezende /\
    Computacao - Universidade de Brasilia /. \
    tcp: Libertas quae digitos desiderat /____\
    http://www.cic.unb.br/docentes/pedro/sd.htm
    -------------------------------------------
    _______________________________________________
    PSL-Brasil mailing list
    PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
    <mailto:PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org>
    http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
    <http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil>
    Regras da lista:
    http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil




--

Obrigado!

Fabio Emilio Costa                São Bernardo do Campo - SP - Brazil
Coordenador - Grupo de Usuários BROffice.org (GuBRo/SP)
ICQ #:173799674                                       Nick:SamWeasley
MSN: [EMAIL PROTECTED] <mailto:[EMAIL PROTECTED]> Jabber: [EMAIL PROTECTED] <mailto:[EMAIL PROTECTED]> Yahoo! Messenger:hufflepuff0305 Linux User #416439( counter.li.org <http://counter.li.org>) [EMAIL PROTECTED] <mailto:[EMAIL PROTECTED]> [EMAIL PROTECTED] <mailto:[EMAIL PROTECTED]>

Orkut Profile: www.orkut.com/Profile.aspx?uid=16619557238254357700 <http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=16619557238254357700>
Blog: hogwartslinux.wordpress.com <http://hogwartslinux.wordpress.com>
"Copie. Seja Legal. Não seja trouxa! Use Software Livre!"
------------------------------------------------------------------------

_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a