Isso aconteceu ao longo das últimas semanas. Nesse meio tempo ele vem tentando conversar com as partes envolvidas, em especial a Dell q, no final das contas, foi quem vendeu o conjunto "servidor +subscrição RHEL". Até agora nada foi resolvido. Não sei se ele vai entrar na justiça, mas isso não é uma solução agora, pois ele precisa da subscrição funcionando *hoje*, não daqui a sei lá qto tempo, qdo a justiça finalmente se pronunciar.

Só compartilhei isso aqui pq fiquei um pouco "chocado" com o comportamento da RHat no caso. Afinal, trata-se de um contrato de serviço. Até onde sei, no nosso país a Nota Fiscal detalhando o q foi comprado serve perfeitamente como comprovante da transação comercial. Ou melhor, é *o* documento q comprova isso.

A empresa (no caso, tanto a Red Hat qto a Dell) não dispor de um processo contemplando a perda de uma chave de ativação, seja por descuido do contratante, seja por algo além do seu controle (ele poderia ter sido roubado, por exemplo, ou seu escritório poderia ter sido incendiado), e colocando a coisa na forma: vc perdeu seu número, então compre outra subscrição, é algo q no mínimo me faria recomendar a todos q obtenham suas distribuições GNU/Linux em outro lugar.

De repente seria melhor se ele tivesse comprado sem S.O., colocado um Debian e contratado suporte local. Afinal, os patches são liberados e ele não cria essa relação de eterna dependência da distribuição para obter as correções.

[ ]s,

olival.junior

Em 15/03/2007, às 21:13, Carlos B. Schwab escreveu:

Tá, e o cara não entrou na justiça ? Afinal ele pagou por um serviço que
não  pode usufruir.  Jogo de empurra se resolve assim...


_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a