On 8/13/07, Cláudio Sampaio <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
> On 8/13/07, Glauber Machado Rodrigues (Ananda) <[EMAIL PROTECTED]>
> > Interessante é que o Linus não dá a mínima para a MS mas ela acabou no
> Já estamos nesse estágio? De poder dizer que a Microsoft é irrelevante? Uau!
>
> Gandhi ao contrário :
>
> Primeiro nós lutamos com eles,
> depois nós rimos deles,
> depois nós os ignoramos, -------> ESTAMOS AQUI? JÁ?
> aí nós vencemos.

Acho que ele quiz dizer que era irrelevante para ele. Ele não dá a
mínima para a MS e acha que cada um tem seus motivos para apoiar o SL
e que nem sempre esses motivos são se opor à MS.

Mas não acho que ele defende que ignorar a MS é o que todos devem fazer.

É mais ou menos assim: "A MS não faz parte da minha vida. Se faz parte
da sua, ok. Se não faz, ok também." Uma coisa que eu já percebi é que
na cabeça do Linus é permitido a todos ter seus motivos.

-- 
Opções desconhecidas do gcc:
  gcc --bend-finger=padre_quevedo
O que faz:
  dobra o dedo do Padre Quevedo durante a execução do código compilado.

Não uso termos em latim, mas poderia:
http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_Latin_phrases_(full)

A ignorância é um mecanismo que capacita um tomate a saber de tudo.


           "Que os fontes estejam com você..."

Glauber Machado Rodrigues
PSL-MA

jabber: [EMAIL PROTECTED]
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a