On Aug 24, 2007, "Pablo Sánchez" <[EMAIL PROTECTED]> wrote:

> Cara, até rola mesmo da gente fazer isso sim. A questão principal
> apenas é: será que conseguimos sensibilizar as pessoas a participar?
> Quantas pessoas conseguiríamos alavancar?

Com meia dúzia de pessoas, já dá pra fazer uma boa distribuição de
folhetos, explicação da coisa toda aos que mais se interessarem, essas
coisas.  Acho que não precisa fazer barulho no sentido literal, o que
dispensa o caminhão de som e os microfones ;-)

Algumas faixas, cartazes, e muitos folhetos pra distribuir e
sensibilizar (precisa melhorar bem o folheto.pt).  De preferência em
mais de um ponto no Brasil.

Alguém em Sampa pra fazer uma coisa dessas em frente à ONG Oxigênio?
Ou talvez nos pontos em que ela mantenha suas salas de aulas, se for
um local diferente?

> Acho que é importante nesse caso nos unirmos ao público
> acadêmico/universitário que com certeza encontra-se sensibilizado em
> relação à questão.

+1

-- 
Alexandre Oliva         http://www.lsd.ic.unicamp.br/~oliva/
FSF Latin America Board Member         http://www.fsfla.org/
Red Hat Compiler Engineer   [EMAIL PROTECTED], gcc.gnu.org}
Free Software Evangelist  [EMAIL PROTECTED], gnu.org}
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a