Com a SOLIS envolvida no meio? Não é de se duvidar...

Até porque o que dá dinheiro mesmo na venda de um ERP nao é o software, mas
sim a implementação e adequação da empresa à ele.

Mas enfim, o caso é que é bom ver uma universidade apostando no talento
local em vez de pegar uma solução pronta que muitas vezes não tem nada a ver
com a realidade brasileira. Eu, que estive/estou envolvido num projeto de
implementação do PeopleSoft numa univerdade (Unisinos) sei muito bem o quão
problemático isso é...

On 3/18/08, Silveira Neto <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
>
> E vai ser um ERP livre?
>
> 2008/3/18 Charles Pilger <[EMAIL PROTECTED]>:
>
> > UCS desenvolve ERP 
> > próprio<http://www.baguete.com.br/noticiasDetalhes.php?id=23389>
> > 17/03/2008 16:44
> >
> > A Universidade de Caxias do Sul vai desenvolver um sistema de gestão, em
> > parceria com a cooperativa de profissionais de TI Solis, de Lajeado. O ERP
> > vai substituir uma solução Datasul e deve estar operativo em 24 meses, sendo
> > 20 de desenvolvimento e quatro de implementação. A UCS investirá R$ 1 milhão
> > na iniciativa.
> >
> > "Depois, a idéia é colocar um produto no mercado e recuperar o
> > dinheiro", explica o professor Heitor Strogulski, do Núcleo de Processamento
> > de Dados da UCS. Strogulski destaca que prospectou por um ano, sem encontrar
> > uma ferramenta que se adaptasse às necessidades da instituição.
> >
> > De acordo com o professor, os módulos de Recursos Humanos reprovaram os
> > possíveis novos ERPs. "O RH de uma universidade é infinitamente mais
> > complicado que o de uma indústria", comenta Strogulski. O professor destaca
> > a experiência no setor da Solis, que tem muitos dos cooperados oriundos da
> > Univates.
> >
> > Outra questão importante foi a ausência de um candidato que funcionasse
> > totalmente web, já que a UCS possui operação em 11 cidades diferentes.
> >
> > O desenvolvimento interno de uma solução de gerenciamento de impressão
> > anima Strogulski a enfrentar o desafio de criar um ERP. "Conseguimos
> > derrubar os custos de R$ 2,5 milhões para R$ 300 mil. A queda média
> > oferecida pelos terceirizados foi de 40%", afirma o gestor.
> >
> > Para afiançar o processo de desenvolvimento, serão contratados
> > consultores externos especializados nas áreas de RH, Logística e Finanças.
> > "Vamos aproveitar a ocasião para melhorar nossos processos internos",
> > explica Strogulski.
> >
> > --
> > []'s
> > Charles Pilger
> > Msn: [EMAIL PROTECTED]
> > Site: http://www.charles.pilger.com.br
> > "Se você acha educação cara, tente a ignorância." - Derek Bok, ex-reitor
> > de Harvard
> > _______________________________________________
> > PSL-Brasil mailing list
> > PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> > http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> > Regras da lista:
> > http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
> >
>
>
>
> --
> -------
> silveiraneto.net
> eupodiatamatando.com
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista:
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>



-- 
[]'s
Charles Pilger
Msn: [EMAIL PROTECTED]
Site: http://www.charles.pilger.com.br
"Se você acha educação cara, tente a ignorância." - Derek Bok, ex-reitor de
Harvard
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a