Ainda bem que é contra Open Source e não Software Livre, que são coisas
completamente diferentes ...

[ ]´s
Jiyan Yari

Em 04/05/08, Fabianne Balvedi <[EMAIL PROTECTED]> escreveu:
>
> Homem de Ferro se opõe a código aberto em nova HQ
>
> Invincible Iron Man mostra o filho de Obadiah Stane como uma mistura
> de hacker e homicida
> 28/04/2008Érico Assis
>
>
>   Uma das principais discussões do mercado de alta tecnologia está por
>   trás da história de abertura de Invincible Iron Man, nova série do
>   Homem de Ferro, que estréia nos EUA junto ao filme, esta semana. Tony
>   Stark, o empresário-herói multimilionário, enfrenta um vilão descrito
>   como "terrorista do código aberto".
>
>   O movimento pelo código aberto (open source) defende que sistemas
>   tecnológicos devem ser livremente manipulados e adaptados pelos seus
>   usuários, sem restringir essas ações às empresas que os fabricaram.
>   Segundo o movimento, todo software deveria ter seu código de
>   programação aberto para manipulação dos usuários - como acontece no
>   caso do sistema operacional Linux. Parte das empresas de tecnologia
>   atuais rejeita as idéias do movimento.
>
>   No Universo Marvel, Tony Stark está do lado das grandes empresas - ele
>   tem uma dessas, afinal. "É uma coisa interessante da sua
>   personalidade. Ele quer dar essa fantástica tecnologia para o mundo,
>   mas fica nervoso quando alguém a utiliza", diz o escritor de
>   Invincible Iron Man, Matt Fraction, em entrevista ao Comic Book
>   Resources. "O mundo é perigoso e, apesar de todos seus avanços, a
>   tecnologia traz novos perigos. Há o lado bom e o lado ruim, e Tony não
>   quer assumir essa responsabilidade. É uma grande responsabilidade e
>   vemos em Invincible Iron Man #1 que quando a tecnologia é utilizada
>   para propósitos nefastos Tony sente isso profundamente."
>
>   O primeiro inimigo na nova série é o jovem Ezekiel Stane, filho de um
>   antigo adversário de Stark: Obadiah Stane, que é o antagonista na
>   adaptação cinematográfica. Fraction descreve Ezekiel como "o código
>   aberto frente ao código fechado opressor de Stark. Ele não tem
>   quartel-general, não tem base, não tem conta bancária. Totalmente fora
>   do sistema, flexível, móvel. Isso vai totalmente contra a sabedoria
>   empresarial de Tony, o jeito que ele aprendeu a fazer as coisas – com
>   bancos, advogados, indústrias, testes. Stane é diferente. Ele é mais
>   esperto, mais móvel, com reações mais velozes".
>
>   Para dar noção da ameaça do jovem Stane, a Marvel liberou as primeiras
>   páginas da nova série, em que Ezekiel reúne-se com a diretoria de uma
>   grande empresa e expõe suas idéias de uma forma bastante...
>   destruidora. Os desenhos são de Salvador Larroca. Confira abaixo.
>
>   http://www.omelete.com.br/quad/100012332.aspx
>
>
>   --
>
> Fabianne Balvedi
>   GNU/Linux User #286985
>   http://fabs.estudiolivre.org
>   "Devemos lutar pela igualdade
>   sempre que a diferença nos inferioriza,
>   mas devemos lutar pela diferença
>   sempre que a igualdade nos descaracteriza".
>   Boaventura de Sousa Santos
>
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista:
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>



-- 
Jiyan Yari
0055-67-3383-4621
0055-67-8421-1634
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a