Caros,

Ontem, no cafezinho do Plenário da Câmara, peguei - por coincidência - na
mesma hora os deputados paulista, Paulo Texeira e Júlio Semeghini para
falar sobre  a MS estar nas escolas de São Paulo. Obviamente, Dep Paulo
Teixeira por ser do PT pouco ou nada tem a fazer. Semeghini, sim, sendo do
PSDB, em tese, tem mais chances de fazer algo.

Semeghini estava correndo apagando incêncio, foi pras articulações em torno
de Software para exportação, e, conforme, me prometeu, voltou para conversar
direito comigo.

Falei - sem pressa - com ele do que se passa e ele me garantiu de que não
fora consultado em nada sobre esta decisão desconhecida pra ele, que ele
presume ter sido tomada por Beraldo - Secretário não sei do que.
Semeghini me recomendou falar com este tal de Secretário e Dep estadual
Beraldo e com outros Dep federais paulistas como Sílvia Torres e Arnaldo
Madeira, mesmo porque ele já foi o guardão do SL no governo paulista como
secretário a partir do decreto que tem desde 2004 a favor do SL, com
recomendações expressas para dar justificativas sólidas qdo precisar de usar
Soft Proprietario.

Dep Sílvio Torres, 2 Semeghini, faz dobradinha com dep Beraldo que, 2 ele,
deve ser o responsável, e não a secretaria de educação e ou o próprio Serra,
do acordo com a MS. Entremente, me recordo que aqui em BsB, a atual
secretário de educação paulista, até certo tempo foi secretaria de educação
aqui e a MS entrou fazendo bons acordos para ela aqui e o Arruda tb assinou
acordos.

Realmente, não dá pra nada fazer.Comecei a fazer a minha parte e é claro,
que vou atrás dos deputados recomendados para conversar com eles e muito
mais, incluindo ai chegar ao próprio Serra. Não dá pra deixar de falar com
ele, fazendo os devidos questionamentos, ainda mais em se tratando de
EDUCAÇÃO.

Obs: Semeghini, 2 ele, apoiou Alckimin, então, neste momento, ainda está com
a comunicação enfraquecida com equipe de Serra.Mesmo sendo assim,
evidentemente, não deixarei de ficar falando deste assunto com ele e tb com
o nosso parceirão Dep Paulo Teixeira

Abs,
Ada

2008/10/16 Daniel Bessa <[EMAIL PROTECTED]>

> Alguém tem o e-mail do José Serra pra gente mandar essa notícia pra ele?
>
> Alguém tem o e-mail do Abdul Kalam pra perguntar se ele não quer ser
> presidente do Brasil? O cara parece ter pulso firme e convicção.
>
> hehe.
>
>  []'s,
> Daniel Bessa
> Fortaleza - CE
>
>
>
> ----- Mensagem original ----
> > De: "[EMAIL PROTECTED]" <[EMAIL PROTECTED]>
> > Para: Projeto Software Livre BRASIL <psl-brasil@listas.softwarelivre.org>;
> Ricardo Bánffy <[EMAIL PROTECTED]>
> > Enviadas: Quarta-feira, 15 de Outubro de 2008 0:10:20
> > Assunto: Re: [PSL-Brasil] Fwd: [webees] Parceria entre MS e Estado de SP
> >
> > Colegas
> >
> >
> > A questão não é a "gratuidade" do acesso aos softwares da Empresa. A
> > questão é da autonomia tecnológica de São Paulo. Uma empresa para
> > "capturar" um estado inteiro, o principal do país, deveria pagar e
> > muito por isso. Serão milhões de alunos e milhares de professores(as)
> > "adestrados" no ambiente proprietário.
> >
> > A resposta adequada deveria ser a do presidente da Índia:
> >
> > Presidente da Índia Contesta Bill Gates e Defende Uso de Softwares Livre
> > Editoria: FISL2003
> > 30/May/2003 - 21:31
> >
> > Repórter do JB Online
> >
> > O presidente da Índia, A.P.J. Abdul Kalam, expressou sua vontade de
> > que o país passe a depender menos de soluções baseadas no Windows e
> > mais em software de código aberto, produzido localmente.
> >
> > Sua declaração foi feita numa visita ao International Institute of
> > Information Technology (IIIT), no Software Technology Park, em
> > Hinjewadi. No seu discurso, Kalam enfatizou que "temos uma indústria
> > de software que emprega 500 mil pessoas com a força de US$ 10 bilhões
> > e um mercado local de US$ 2 bilhões". Segundo o presidente, a
> > exportação de programas é responsável por 16% do total do país .
> >
> > Kalam contou que, ao encontrar Bill Gates na Índia, conversaram sobre
> > os futuros desafios na área de Tecnologia da Informação.
> >
> > "Eu deixei claro que preferíamos o software livre por ser mais fácil a
> > incorporação de algoritmos de segurança. A partir desse ponto, nossa
> > conversa ficou difícil, já que nossos pontos de vista diferem
> > completamente".
> >
> > Durante o discurso, o presidente afirmou que "a pior coisa que pode
> > acontecer é a Índia depender de soluções proprietárias". A declaração
> > de Kalam é inédita, já que não se tem conhecimento de outro chefe de
> > estado que tenha sido tão enfático na defesa do software livre. O
> > discurso completo de Kalam pode ser lido (em inglês),
> >
> > http://presidentofindia.nic.in/S/html/speeches/others/may28_2003_2.htm
> >
> > Detalhe: a noticia toda foi publicada no site do Presidente da India:
> > http://presidentofindia..nic.in/S/index.htm
> >
> > Matéria completa em  http://portal.softwarelivre.org/news/1003
> >
> > Veremos o resultado disso em alguns anos.
> >
> > mario
> >
> >
> >
> > Citando Ricardo Bánffy :
> >
> > > Não me ocorreu combater diretamente a idéia, O que eu pensei foi em
> > > encontrar formas de aproveitar o espaço e o investimento da MS para
> > > promover, de uma forma construtiva, software livre.
> > >
> > > A última coisa que eu queria era posar de chato.
> > >
> > > Fora incentivar o uso de PHP com IIS, Firefox e OpenOffice no Windows,
> > > desenvolvimento com NetBeans ou Eclipse (eu sei... Java não é kosher o
> > > bastante para alguns de nós, mas eles lidam bem com Python e Ruby),
> > > alguém tem alguma idéia? Alguém tem alguma idéia de como
> > > operacionalizar isso?
> > >
> > > Lembrando que, para não estragar a boa vontade, temos que apresentar
> > > uma idéia de deixar isso tudo melhor apenas acrescentando coisas sem
> > > tirar nada. Apenas seria legal neutralizar a propaganda embutida
> > > nisso.
> > >
> > > 2008/10/14 Glauber Machado Rodrigues (Ananda) :
> > >> 2008/10/14 Ricardo Bánffy :
> > >>> Independente do grau de incompetência técnica, alguém tem alguma
> idéia
> > >>> de como se conserta isso?
> > >>
> > >> Pelo que eu entendi, não se vai gastar um centavo com a MS. A MS vai
> > >> disponibilizar tudo de graça.
> > >>
> > >> É complicado combater esta iniciativa diretamente, já que não houve
> > >> um gasto.
> > >>
> > >> Talvez alguém pode argumentar que o gasto é representado pelo espaço
> > >> das escolas que estão sendo utilizados para treinamento numa
> > >> plataforma proprietaria. Mas a menos que um professor seja pago para
> > >> dar estas aulas, é dificil argumentar que os alunos não estão
> > >> acessanto a ferramenta de e-learning por conta própria (como estariam
> > >> acessando um orkut, por exemplo).
> > >>
> > >> Se dispuséssemos também um serviço de e-learning para ensinar
> > >> ferramentas livres para esses alunos, poderíamos contrabalancear a
> > >> iniciativa da MS de forma construtiva.
> > >>
> > >> --
> > >> Glauber Machado Rodrigues
> > >> PSL-MA
> > >>
> > >> jabber: [EMAIL PROTECTED]
> > >>
> > >> música livre é bem melhor:
> > >> http://www..jamendo.com
> > >> _______________________________________________
> > >> PSL-Brasil mailing list
> > >> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> > >> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> > >> Regras da lista:
> > >>
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
> > >>
> > >
> > >
> > >
> > > --
> > > Ricardo Bánffy
> > > http://www.dieblinkenlights.com
> > > _______________________________________________
> > > PSL-Brasil mailing list
> > > PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> > > http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> > > Regras da lista:
> > >
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
> > >
> > > !DSPAM:48f55beb232702685370942!
> > >
> > >
> > >
> >
> >
> >
> > --
> > *******************************
> > S O F T W A R E   L I V R E
> >
> > Socialmente Justo
> > Tecnicamente Viavel
> > Economicamente Sustentavel
> >
> >
> > 10 Fórum Internacional Software Livre - fisl 10.0
> > Dias 24, 25, 26 e 27 de junho de 2009
> > PUCRS, Porto Alegre,  RS,  Brasil
> >
> > ******************************
> >
> >
> > -------------------------------------------------------------
> > Associacao Software Livre.Org - http://www.softwarelivre.org/
> >
> > _______________________________________________
> > PSL-Brasil mailing list
> > PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> > http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> > Regras da lista:
> > http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>
>
>
>       Novos endereços, o Yahoo! que você conhece. Crie um email novo com a
> sua cara @ymail.com ou @rocketmail.com.
> http://br.new.mail.yahoo.com/addresses
>
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista:
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a