Oi Ronaldo,

A minha maior preocupação são com estas linhas:
"A avaliação do Custo Total de Propriedade apontou o Windows XP como a solução mais adequada. As decisões no Banrisul sempre serão norteadas por meio de estudos técnicos respeitando o trinômio simplificação, continuidade e gerenciamento. Enfim, uma relação ótima entre custo/benefício. Nesse caso, não havia dúvidas. A prova é que o mercado tem relutado em adotar o Linux nos desktops."
1. O Windows XP sempre vai ter um custo total de propriedade maior tendo em vista a obrigatoriedade de pagar para microsoft suporte e atualizações. Isso se considerar 10 anos. Se considerar 1 ano qualquer barganha pode ser mais viavel.
2. A ms não vende mais o Windows XP. Ele vai ser descontinuado em breve e eles vão acabar sendo obrigados a comprar outra versão a um preço que a Ms quiser em 4 anos.
3. Ele comentou sobre OpenOffice. Esse não é o nome do aplicativo. Será uma gafe do entrevistador?

Acho que faltou empresa com bons profissionais para dar para ele modelos economicos viáveis.
Outro ponto negativo é a formação de mão de obra em Linux.

Marcus de Vasconcelos Diogo da Silva



Em 21/10/2008 às 12:12 horas, psl-brasil@listas.softwarelivre.org escreveu:

http://br-linux.org/?p=5061

Windows nas estações de trabalho, Linux na maioria dos servidores. Durante a atualização do parque de máquinas do Banrisul, o Banco do Estado do Rio Grande do Sul, o lugar de cada sistema operacional foi delimitado sem radicalismos, sob o comando do gaúcho Ney Michelucci Rodrigues, de 52 anos, diretor de TI do banco estatal. Com uma equipe de 600 profissionais na área de tecnologia, Rodrigues administra um orçamento de 125 milhões de reais por ano e mantém no ar uma rede de 401 agências e 290 postos de atendimento, além das contas de 2,89 milhões de clientes. Para muita gente, ver o Windows ganhando espaço no Banrisul pode soar estranho ? o banco ficou conhecido como um fervoroso evangelista de Linux. A decisão causou polêmica na ala mais radical dos adeptos do software livre. Na entrevista à Info, Rodrigues explica os motivos da opção pelo Windows XP nos 10 mil desktops da instituição. (via info.abril.com.br)

Saiba mais (info.abril.com.br).





_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a