É,

 Concordo, o problema não é não ter uma política para as univesidades,
pois eles também não a tem. O que tem de sobra é politicagem ($). Mas
daí, não é melhor chutar os chacais das universidades?
  Daí já vai cair na discussão dos outros tópicos, sobre as limitações
do SL no capitalismo..
    Mas taí um ponto, no capitalismo as universidades realmente SEMPRE
serão escravas das grandes corporações. Não estou dizendo que o problema
do SL esta resolvido nos países socialistas (até porque como os mesmos
não tem o mesmo padrão tecnológico dos países centrais do sistema, tão
ainda correndo atrás), mas como a lógica do ensino deles não é o lucro
(a educação não é uma forma de enriquecer alguns poucos...) existe uma
campo aberto para construir-se um outro modelo.
    Se me permitem mais uma comparação, é algo semelhante com a questão
ecológica. Longe de afirmar que os países socialistas, em sua busca por
equipararem suas forças produtivas com a das potências capitalistas
(industrialização pesada), não agrediram a ecologia, mas posso afirmar
que a mesma só não será destruída em um sistema que não tenha a
maximização do lucro de uns poucos como motor da economia.
  Na verdade, o que tinha que acabar no Brasil é a educação privada...
Não é a toa que as poucas exceções que temos de utilização de SL são de
instituições públicas. Logo que é perfeitamente possível uma
universidade privada se beneficiar do SL, mas sob a restrição de o mesmo
ser um SL domesticado. Afinal o SL é a negação do conhecimento como
mercadoria. e a educação privada é a venda desse ex-direito, agora
mercadoria...
  Para mim o software proprietário não é um competidor a ser respeito. É
uma aberração dessa sociedade em que vivemos que passa a privatizar
(desde as patentes) o conhecimento da humanidade.

china escreveu:
> A política para universidades deles é subornar prorreitores e formar
> comitês com professores que andam de avião para o mundo todo com as
> custas pagas pelas empresas. Em algumas faculdades, os professores
> criam empresas por fora e pegam os alunos com bolsa paga pelos órgãos
> públicos de fomento a pesquisa e colocam para trabalhar de graça. O
> aluno que topa vai da graduação direto para o mestrado. O que não
> topa, como eu, nem na porta da faculdade passa e quando aparece em
> algum debate é alvo de fuxicos e mexericos.
>
> Não se iludam. Nada que o mundo do SL fizer vai promover sua entrada
> no meio acadêmico. A não ser que se ponha grana alta na goela dos
> chacais...
>
> 2009/1/14 Julian Carlo Fagotti <jul...@celepar.pr.gov.br>:
>   
>> Bom, eles tem uma política para as Universidades.
>> O nosso problema é que nós não temos.
>> Temos experiências bem sucedidas de uma ou outra Universidade UFPR,
>> INISINOS...
>> Mas não temos nada escrito que todos possam usar. Tem que compilar estas
>> experiências. Transformar em política para sugerir ao MEC, com tudo que o
>> software livre tem de vantagem a curto médio e longo prazo, para um projeto
>> de aumento da autonomia tecnológica do Brasil/América Latina.
>> Temos alguns contatos da Latinoware com Universidades da América Latina.
>> Podemos fazer esta discussão em 2 tempos:
>>
>> No Fisl organizar uma política para Universidades Brasileiras
>> Na Latinoware em âmbito latino/latino americano
>>
>> Em 14/01/2009 às 15:37 horas, psl-brasil@listas.softwarelivre.org escreveu:
>>
>> A mesma coisa acontece aqui, mais nós alunos estamos na faculdade para mudar
>> isso. Professores gostando ou não tem que parar de ter medo de usar linux.
>>
>> 2009/1/14 rafael <rafaelcro...@gmail.com>
>>     
>>> Alguns exemplos que ocorreram no Senac:
>>>
>>>   Existe um laboratório geral de Informática. Lá o Firefox só
>>> funcionava se vc configurasse manualmente o proxy, enquanto o IE já
>>> estava. Aí, pessoas que não são da área (lá tem outros cursos, como
>>> gastronomia, etc) usavam o firefox e diziam "que merda de programa, nem
>>> funciona, vou usar o IE". Isso perdurou por anos como uma propganda
>>> negativa ao Firefox. Este ano resolveram porque já tinha virado piada...
>>>
>>>   Fiz um curso chamado de Ciências da Computação, amparado por
>>> computadores de última geração (agora colocaram um monte de quads), mas
>>> não podíamos ter acesso root. Ou seja, você forma um cientista da
>>> computação, mas que não pode nem customizar o SO que ele utiliza. Isso,
>>> não apenas nos labs gerais, mas nos labs específicos para as turmas de
>>> BCC...
>>>
>>>  A tal das licenças grátis do word aos alunos. Isso era cômico tb...
>>> Mas a do Rwindows tinha que comprar... Quem quer esse lixo?
>>>
>>>  Fiz 5 matérias de Engenharia de Software, nenhuma abordava o processo
>>> de produção do software livre.  Vimos o tal do RUP uns 3 semestres, mas
>>> por que não abordar como funciona o desenvolvimento do SL, que é
>>> riquíssimo e capaz de coordenar equipes formadas por voluntários a
>>> milhares de km de distâncias uns dos outros...
>>>
>>>  Acho que só vimos o Linux na matéria de Sistemas Operacionais. Bom,
>>> daí não tinha jeito mesmo. Sem o fonte do rwindows liberado, o professor
>>> era "forçado" a usar exemplos do Linux. (no meu caso ele gostava de ser
>>> forçado a isso, hehe)
>>>
>>>  Bom, era uma luta engraçada. de um lado a propaganda massiva da M$,
>>> mas do outro a experiência dos alunos e dos professores que preferiam em
>>> muitos casos o SL...
>>>
>>> Um abraço,
>>>
>>> Rafael
>>>
>>> ps podiamos até criar um tópico: Fale mal do boicote ao SL na sua
>>> faculdade
>>> Cristiano Furtado escreveu:
>>>       
>>>> Rafael isso não acontece somente na sua faculdade, na minha é a mesmoa
>>>> coisa é uma puxação de ... Com a celula acadêmica da M$ por causa de
>>>> licencas doadas pela mesma gratuitamente para os alunos. Dessa forma
>>>> ja enfrentei muitos problemas de bater de frente com Coordenadores da
>>>> faculdade por tentar desprezar os projetos de SL. Agora somente para
>>>> você entender que A Matéria principal la começa em base de C.
>>>>
>>>> 2009/1/14 rafael <rafaelcro...@gmail.com
>>>> <mailto:rafaelcro...@gmail.com>>
>>>>
>>>>     Ola pessoal,
>>>>
>>>>       Meu tcc foi sobre o desenvolvimento de ferramentas de
>>>>     acessibilidade na
>>>>     plataforma Gnome. Segue o PDF (talvez ainda mude algo, entrego a
>>>>     versao
>>>>     final so em dezembro), caso alguém se interesse.
>>>>      Lê-lo pode ser um primeiro passo para se introduzir no tema e
>>>>     conhecer a
>>>>     interface ATK...
>>>>      Infelizmente no $enac onde me formei, não existe nenhum apoio ao
>>>>     SL, pelo contrário existe um boicote feito sub-repticiamente,
>>>>     fruto das parcerias entre o centro universitário e a Microsoft que
>>>>     montou um verdadeiro QG lá dentro (Microsoft Students Partner
>>>>     Inovation Center, ou algo assim).
>>>>      Bom, espero que não achem o texto mal escrito, pois, apesar de
>>>>     ter passado fui detonado pelos professores da banca... Também
>>>>     comentaram que a introdução estava política demais e que parecia
>>>>     mais um tratado de filosofia que um trabalho de Ciências da
>>>>     Computação...
>>>>      Coloquei no EasyShare (existe algum lugar mais apropriado, ligado
>>>>     ao SL?), segue o Link:
>>>>
>>>>     http://w16.easy-share.com/1903270367.html
>>>>
>>>>
>>>>     Abraços
>>>>
>>>>
>>>>     ps: agradeço sugestões, pois pretendo enviar o texto para outros
>>>>     portais de SL
>>>>
>>>>     _______________________________________________
>>>>     PSL-Brasil mailing list
>>>>     PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
>>>>     <mailto:PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org>
>>>>     http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
>>>>     Regras da lista:
>>>>
>>>> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>>>>
>>>>
>>>>
>>>>
>>>> --
>>>> Atenciosamente,
>>>>
>>>> ------------------------------------------------
>>>> Cristiano Furtado
>>>> Gerente de TI - Projetos de Software Livre
>>>> Embaixador do Fedora no Brasil
>>>>
>>>> Sites:
>>>> http://www.projetofedora.org
>>>> http://www.jasonnfedora.eti.br
>>>> http://www.fedora.org.br
>>>> http://www.ekaaty.com.br
>>>> ------------------------------------------------------------------------
>>>>
>>>> _______________________________________________
>>>> PSL-Brasil mailing list
>>>> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
>>>> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
>>>> Regras da lista:
>>>> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>>>>         
>>> _______________________________________________
>>> PSL-Brasil mailing list
>>> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
>>> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
>>> Regras da lista:
>>> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>>>       
>>
>> --
>> Atenciosamente,
>>
>> ------------------------------------------------
>> Cristiano Furtado
>> Gerente de TI - Projetos de Software Livre
>> Embaixador do Fedora no Brasil
>>
>> Sites:
>> http://www.projetofedora.org
>> http://www.jasonnfedora.eti.br
>> http://www.fedora.org.br
>> http://www.ekaaty.com.br
>>
>>
>>
>> _______________________________________________
>> PSL-Brasil mailing list
>> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
>> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
>> Regras da lista:
>> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>>
>>     
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista: 
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>
>   

_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a