Valerio,

Entendo a posição dos empresários, mas discordo no seguinte ponto: por que
os empresários, ao invés de gastar 200.000,00$ em uma solução de CRM, não
investe no SugarCRM, por exemplo? Por que gastar 2.000,00 em cada licença de
windows + office e não reverter isso no desenvolvimento do Openoffice? O que
percebo é o seguinte: os empresários gastam milhões com um monte de merda
dentro da empresa e reclama depois que o Linux que ele baixou de graça parou
de funcionar. O pior de tudo é que todos reclamam quando o OpenOffice dá um
crash e dizem que SL é ruim... mas aceitam a idéia de pagar por um produto
(caro) e ter que reiniciá-lo de vez em quando ou dar uns crashzinhos...
windows, office, symbian (celulares),  iphones, mp3 players, etc são bons
exemplos disso...se ele fizesse esse investimento e sua empresa parasse por
conta da qualidade desse software ai sim eu concordaria com vc... mas como
os esforços desses empresários são mínimos, não dou o braço a torçer...


-- Global



2009/2/2 VALERIO KIKUCHI <vkiku...@acasadolinux.com.br>

>  Insisto, Oliva, o desktop tem de funcionar muito bem.
> Não dá para convencer um empresário de qualquer porte a usar algo que não
> seja bastante bem resolvido e de fácil utilização.
> Não dá para parar o mundo enquanto debatemos esses conceitos. mas, antes de
> tudo, no mundo empresarial, precisamos do software que seja útil.
> Precisamos de aplicativos, além do OpenOffice. Você não consegue gerir uma
> empresa somente com OpenOffice.
> Claro, já existem algumas opções, mas uma estação tem de seu útil e fácil
> para os empresários e seus funcionários usarem.
> Se eles tiverem de saber o diretório, qual o programa instalador, e isso
> mais aquilo (que para vc é bem ridículo de fácil), eles param de usar,
> claro. Eles têm de fazer $$$ com os seus negócios e não podem se preocupar
> com o software.
> Enquanto pessoas como você, o Stallman, Linus, o Bánffy, entre outros
> gênios do software refletem sobre essa libertação de software, os
> empresários vão trabalhando com suas empresas, entende?
> Abr. VK.
>
>
>
> Alexandre Oliva escreveu:
>
> On Jan 31, 2009, Ricardo Bánffy <rban...@gmail.com> <rban...@gmail.com> wrote:
>
>
>
>  2009/1/30 Alexandre Oliva <lxol...@fsfla.org> <lxol...@fsfla.org>:
>
>
>  On Jan 30, 2009, Peter Senna Tschudin <peter.se...@gmail.com> 
> <peter.se...@gmail.com> wrote:
>
>
>
>  Para um usuário doméstico brasileiro típico, o que ele ganha por usar
> o gNewSense ao invés do Ubuntu?
>
>
>  A liberdade, que é a motivação fundamental do movimento Software Livre.
> A certeza de que está usando Software Livre.
>
>
>     A pergunta foi "para um usuário doméstico brasileiro típico". A
> resposta àquela pergunta é "nada a que ele dê valor por enquanto".
>
>
>  Igual os habitantes de Cuba, que noutra thread você parecia qualificar
> como ingênuos felizes.
>
> E, como há algumas exceções, que tentam fugir do modelo que poda
> liberdades fundamentais das pessoas, podemos concluir (usando a sua
> lógica e os seus argumento) que se trata de um modelo ruim, que precisa
> ser corrigido, e a população educada para reconhecer o problema e
> combatê-lo.
>
>
>
>  Muitos usuários de Ubuntu nunca tocam software proprietário.
>
>
>  Impossível.  Ele está lá, nas mídias, e instalado em *todas* as cópias
> de Ubuntu.
>
>
>
>  Uns poucos infelizes acabam usando, às vezes sem saber
>
>
>  Pode trocar "poucos infelizes" aí por "imensa maioria".  De repente você
> também vive essa ilusão e luta para preservá-la.  Isso tem nome:
> Síndrome de Estocolmo Digital.
>
>
>
>  Ainda assim, é melhor do que vê-los usando coisas piores.
>
>
>  Claro.  Nessa lógica, você estaria defendendo o socialismo, por ser,
> dentro da sua lógica e dos seus argumentos, menos pior que o comunismo.
> Não importa se é aceitável ou não, basta ser menos pior.
>
> Que usar Ubuntu é menos pior que usar Windows ou MacOS X, é.  Mas está
> longe de ser algo bom pra quem usa ou pra sociedade.  Ainda mais quando
> a transição pra algo inteiramente Livre é muitíssimo mais fácil que a
> transição do socialismo de partido único pro capitalismo fascista, por
> exemplo.
>
>
>
>  A postura da Canonical com o Ubuntu pode ser descrita como "livre
> quando dá, proprietário quando não, mas funcionando até onde for
> possível".
>
>
>  Deixa eu usar uma forma de cerceamento de liberdades ainda mais
> fundamentais, pra testar esse raciocínio.
>
> Tipo, você só vai comprar escravos pra fazer o trabalho que você não
> consegue fazer você mesmo? ;-)
>
> Como você está se comportando menos pior que os que compram escravos pra
> fazer todo o trabalho, está tudo bem, você merece respeito e admiração
> de todos, inclusive a gratidão dos escravos?
>
>
>
>  para quem acha mais importante não usar software proprietário do que
> ter um wireless que faz WPA2
>
>
>  Vai algum temperinho pro FUD aí? :-)
>
> Qual o wireless que não faz WPA2 quando você usa só Software Livre?
>
> É bom qualificar aí, senão o pessoal pode achar que os cartões WiFis que
> respeitam sua liberdade, como os Atheros e os Realtek, o fazem
> privando-o de algumas funcionalidades.  Não conheço nenhum que seja
> Livre exceto no que diz respeito ao WPA2.  De qual você tá falando?
>
>
>
>  Fundamentalismo não vai nos levar muito longe.
>
>
>  Ãrrã.  Afinal, estaríamos no mesmo lugar mesmo que alguém de princípios
> (que é o que você quer dizer quando escreve fundamentalista, uma vez que
> se tire a conotação negativa pretendida) houvesse dado ouvidos aos
> conformistas, certo?  Se não houvesse deixado o emprego no MIT pra criar
> o sistema operacional Livre que tanta gente usa hoje, ainda que com
> outro nome.  Se não houvesse inventado o copyleft e o implementado na
> licença de princípios (=~ fundamentalista) mais utilizada, não só nas
> comunidades de Software Livre, mas também entre os que não ligam para
> princípios morais.
>
>
> -- Pela abolição da escravatura!  O cerceamento das liberdades
> fundamentais é um mal que percisa acabar! -- diz o defensor de direitos
> humanos, por princípios
>
> -- Fundamentalismo não vai nos levar muito longe -- diz o conformista,
> orgulhoso de seu pragmatismo alheio aos princípios morais
>
> ;-)
>
>
>
> ------------------------------
>
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing 
> listpsl-bra...@listas.softwarelivre.orghttp://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista: 
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>
>
>
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista:
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a