On Feb 17, 2009, Pablo Sánchez <phack...@gmail.com> wrote:

> Em 16/02/09, Cláudio Sampaio<pat...@gmail.com> escreveu:
>> 
>> Eu acho que já era hora de alguém pôr um ponto final nessa hipocrisia e
>> destruir essa indústria da escassez que faz com que tenhamos que criar
>> artifícios de impedimento cultural unicamente porque uns e outros não têm
>> criatividade de inventar jeitos melhores de ganhar dinheiro.

> Concordo. Agora, que tal propor algo ao invés de apenas criticar?

Desnecessário.

"Escravidão é ruim" não implica a necessidade de propor outros modelos
econômicos.  Essa exigência parte do pressuposto de que é obrigação de
quem quer respeito ao próximo resolver eventuais problemas e
dificuldades de quem não respeita ao próximo.

Não precisa ser assim.  Pode até ajudar a avançar, mas o que tá errado
tá errado.  Não precisa saber ganhar um jogo pra chegar à conclusão de
que, às vezes, o melhor é não jogar.

> Você quer se expressar culturalmente sem pagar os devidos royalties
> àqueles que tiveram o trabalho de produzir o conteúdo?

Eu adoraria poder beneficiar os autores das obras culturais que aprecio.
Não consigo.  Todos os meus esforços de fazer isso resultam em
remuneração dos intermediários que exploram a mim e aos autores.

Qual a sua sugestão para um sistema de remuneração dos autores, sem que
eles fiquem à mercê dos intermediários?

> Ou você acha legal que alguém pegue suas idéias sem sua autorização e
> as saia utilizando por aí, sem seu consenso, ou sem pelo menos uma
> restituição monetária por isso?

Idéias, por acaso, funcionam *exatamente* desse jeito.  Ninguém deve
nada a ninguém por idéias, salvo acordo prévio.


Acho que você queria falar de obras, não das idéias que elas expressam.
Ainda assim, não vejo grandes problemas.  Dois casos a analisar:

1. criei a obra porque quis.  publiquei-a porque quis.  vou cobrar de
alguém com base em quê?

2. criei a obra porque alguém pediu, combinou de pagar uma quantia e eu
aceitei.  entreguei o resultado do trabalho e fui pago.  vou cobrar de
alguém com base em quê?

-- 
Alexandre Oliva           http://www.lsd.ic.unicamp.br/~oliva/
You must be the change you wish to see in the world. -- Gandhi
Be Free! -- http://FSFLA.org/   FSF Latin America board member
Free Software Evangelist      Red Hat Brazil Compiler Engineer
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a