A vantagem do termo Open Source sobre o Free Software, é basicamente
(e muito importante destacar isso) que elimina a palavra Free, que
pode ser traduzida como "grátis". Assim, software Open Source passa
uma idéia mais clara do que seja na sua excência.

Se ao invés de Free tivessem outro termo, quem sabe essa confusão
deixaria de existir? Afinal de contas, o fato de ter o fonte aberto,
não necessariamente significa "de graça", que aliás, é confusão também
para muita gente aqui da lista, que acha que porque um software é
livre, o fonte tem que estar na web. Ele pode ser livre e eu te passar
o fonte APENAS mediante algum pagamento (a velha cláusula da mídia ou
serviço de distribuição).

Em 03/03/09, Olival Gomes Barboza Júnior<olival.jun...@gmail.com> escreveu:
> 2009/3/3 Marcus de Vasconcelos Diogo da Silva <mvdi...@sfiec.org.br>:
> > openoffice.org é tanto free software como open source. Mas me lembrei da
> > cara do Oliva. Open Source uuurrrg. hehehe
> > Será que agente poderia entrentar essa fera juntos ou não vale muito apena?
>
> Há algum tempo a Fernanda Weiden escreveu um artigo em seu blog sobre
> como esse tipo de posicionamento só serve para enfraquecer dois grupos
> que na verdade lutam pelo mesmo objetivo, ainda que sob premissas e
> pontos de vista diferentes.
>
> E, particularmente, acho que se for por aí, então é melhor que os
> divulgadores de software livre parem desde já de divulgar coisas como
> "o servidor web mais usado do mundo é um software livre", pois na sua
> origem ele é divulgado como "open source" (como, aliás, tudo o que vem
> da Fundação Apache - Tomcat, Lucene, Geronimo, etc).
>
> Sem falar no Mozilla Firefox, tantas vezes citado como o "software
> livre" que compete diretamente com o produto proprietário dominante,
> mas que embute em sua origem a própria criação do termo "open source".
>
> E outro dia mesmo rolou nesta lista uma notícia sobre o uso de
> "software livre" em governos (no caso, o britânico), mas a própria
> manchete e a documentação oficial inglesa refere-se a "open source".
>
> Enfim, se é para levar em consideração a "ideologia" por trás do
> produto, então vamos parar sequer de falar das distribuições GNU/Linux
> como "software livre", pois o criador do kernel Linux já disse várias
> vezes que prefere o termo "open source", então teríamos um produto
> mezzo "free software"/"open source".
>
> Não é melhor arrumar brigas mais produtivas? ;-)
>
> [ ]s,
>
> olival.junior
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista:
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
>


-- 
=================================
Pablo Santiago Sánchez
Análise e Desenvolvimento de Sistemas Web
Zend Certified Engineer #ZEND006757
phack...@gmail.com
(61) 9975-0883
http://www.corephp.com.br
"Quidquid latine dictum sit, altum viditur"
=================================
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a