Eu estou mesmo curioso pra saber como se dá o processo de
   disponibilização de
   obras digitais em bibliotecas públicas: quanta grana envolve, que
   tipo de
   contrato se faz, e até o onde o estado pode intervir com autonomia e
   legitimidade nisso, indo de encontro aos interesses da indústria
   para promover
   o bem comum. Não entendo como se dá essa queda-de-braço, ou se é
   mesmo uma
   queda-de-braço :)

   []'s

É interessante essa abordagem.
As bibliotecas compram as obras na prateleira com o mesmo preço de qualquer 
pessoa. Sempre compraram.
Mas elas podem disponibilizar, geralmente, apenas para o público interno.
Então vamos disponibilizar uns filmes, músicas e software apenas para o público 
interno do meu site? hehehe.
O mundo mudou e a indústria, ao se sentir prejudicada, nem lembrou que essa 
prática era tão antiga quanto a ciência. Tudo por culpa de um camundongo e uma 
marca de biscoito.

Marcus

-- Tiago Bortoletto Vaz
   http://tiagovaz.org
   0xA504FECA - http://pgp.mit.edu
   GNU/Linux user #188687


_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a