2009/4/17 Omar Kaminski <o...@kaminski.com>

> Então poderíamos dizer que a partitura está para o código fonte assim como
> a música está para o software?
>

Acho que a partitura é o equivalente do algorítimo, não do código fonte. O
código fonte da música seriam todos os elementos que são compilados (unidos
de várias fontes) para formar a música, e que podem ser modificados e
recompilados para produzir as alterações necessárias.

Acredito que no caso da música, a compilação está separada em diversas
etapas, bem menos automáticas que no caso do software. Mesmo com todos os
fontes da música, ainda estaríam faltando dependências, e um MakeFile,
coisas que quando faltam num código-fonte de software fica muito difícil
tirar benefício dos fontes.

O ambiente de compilação de música é muito complicado, e difícil de
reproduzir. Dá pra entender porquê no caso do software isso é realidade,
enquanto no caso da música os fontes têm pouca funcionalidade.

O autor da música não se beneficia de melhorias em versões, não são
adicionadas funcionalidades, não são corrigidos erros, etc, etc. Isso só
quem faz é o próprio autor, no seu ambiente de compilação único. Se algum
outro artista faz uma "versão" da música, a maneira como isso é feito é o
equivalente da reimplementação "from scratch" de sofware, ou os remakes do
cinema. Todo o set de gravação é refeito, a compilação é feita a partir de
fontes completamente novas. Apenas o roterio é o mesmo; ou a partitura, no
caso da música; ou a especificação, no caso do software.

-- 
Glauber Machado Rodrigues
PSL-MA

jabber: glau...@jabber-br.org

música livre é bem melhor:
http://www.jamendo.com
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a