[citation needed]

A ETS-185 foi ratificada dois meses depois do 11 de setembro. Que eficiência, redigir e aprovar uma convenção internacional em dois meses. Parece mais uma coincidência, por que nem se fala em terrorismo no âmbito dessa convenção (mas fala em pornografia infantil, violação de direitos autorais e retenção de dados). Não confundir com o Patriot Act.

De qquer modo poucos tinham ouvido falar disso ate que o Azeredo começou a querer a adesão do Brasil, que nem foi convidado, não assinou nem ratificou.

Omar


----- Original Message ----- From: Marcelo Branco
To: Projeto Software Livre BRASIL
Sent: Monday, June 01, 2009 17:44
Subject: Re: [PSL-Brasil] [Fwd: Obama on security, net neutrality, civilliberties and privacy


Em Seg, 2009-06-01 às 16:46 -0300, Omar Kaminski escreveu:
De onde vem a informação que os EUA impuseram tal convenção?


A convenção de Budapeste (convenção de cibercrimes) foi aprovada meses depois da derrubada das torres gêmeas nos USA...e neste embalo. Foi uma imposição dos órgãos de repressão ao "terrorismo" dos governos Bush e Tony Blair. Passou no conselho dos Ministros da UE...mas foi criticada pelo parlamento europeu. Esta convenção foi criticada por vários organismos de defesa dos direitos civis.


Até onde se sabe a Convenção de Budapeste é do Conselho da Europa, e os EUA
foram convidados a serem signatários, assim como Japão, Canadá, Africa do
Sul e outros.


O Brasil não ratificou esta convenção e não ratificará pois contraria a política externa brasileira, segundo o MRE.
Ainda bem!
Foi na linha da convenção de Budapeste as defesas do Azeredo e cia.


por favor, procure estas infos no google pois estou agora sem tempo pra isso.

obrigado




[]s
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a