Confesso que não lia as mais de 60 mensagens sobre o assunto. Lia a primeira e o artigo do Oliva, escolhi umas mensagens aleatórias e alguns dos meus interlocutores prediletos.
Quem me chamou a atenção sobre o problema google foi o Julio Neves a uns dois anos atrás. Achei meio paranoico na hora. Dois anos depois, eu estava usando tantas ferramentas google que comecei a entender melhor os motivos da preocupação.
Vamos colocar o Google no contexto. É uma empresa multinacional com sede num país de vocação imperialista. O nome do jogo é Monopólio (ou tentá-lo, sempre). Entre mudar um discurso e perder o mercado chinês, uma empresa capitalista não tem duvidas.
O goole acumula poder. Uma vez que você o tenha usá-lo, para o bem o para o mal, de acordo com suas conveniências é como escovar os dentes.
Não temos uma ONU reconehcendo territórios do ciberespaço. Então estamos num vale tudo, sem ração diária pratos de alumínio para reféns (Convenção de Genebra).
O que precisamos é de uma alternativa nacional, de mídias convergentes (e-mail, fotos, vídeos, blogs, microblogs, e o escambau).

Para fazer isso precisamos ou de um bom modelo de negócios (pode ser copiado), e ferramentas de fácil (tem que vender facilidade e não problemas).
O brasil é sempre ujm campeão de uso de novas tecnologias e de produção de conteúdo. Uma rede em Português do Brasil, para começar tem potencial. Se a conversa ir por aí, estou disposto a migrar gmail, blogspot, analytics, agenda, googledoc, picasa.



Em 18/02/2010 às 09:11 horas, psl-brasil@listas.softwarelivre.org escreveu:
Oi,

On Mon, Feb 15, 2010 at 12:40:51PM -0800, isabela wrote:
> Outro exemplo, sou co-fundadora do SFCCP que eh um grupo gerido pela
> comunidade. Alugamos um rack do provedor MonkeyBrains (um provedor
> 'faca vc mesmo') e administramos coletivamente o local. O SFCCP eh
> um colocation onde grupos sem fins lucrativos podem hospedar sua
> maquina num lugar que possui uma infra-estrutura boa (que outras
> empresas grandes usam como o facebook) sem ter que pagar fortunas
> por isso, jah que dividimos o custo entre todos dependendo do que
> cada um ta usando.
>
> Alem disso o SFCCP tem uma politica de defesa dos direitos digitais
> e conta com o apoio da EFF para esses casos.
>
> http://sfccp.net
>
> Ou seja, a comunidade se juntou e conseguiu construir uma solucao
> para hospedagem de servidores que seja viavel financeiramente e que
> tambem defende os direitos digitais tanto dos provedores de servicos
> quanto dos seus usuarios.

Parabéns, ótima iniciativa. O que eu não encontrei no site foi uma política de
retenção de logs. Isso já está regulado nos EUA? O SFCCP tem status formal de
ISP?

Abraços,

--
--------------------------------------------------------------------------------
.''`. Tiago Bortoletto Vaz GPG : 1024D/A504FECA
: :' : http://tiagovaz.org XMPP : tiago at jabber.org
`. `' tiago at {tiagovaz,debian}.org IRC : tiago at OFTC
`- Debian GNU/Linux - The Universal OS http://www.debian.org
--------------------------------------------------------------------------------
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
SAIR DA LISTA ou trocar a senha:
http://listas.softwarelivre.org/mailman/options/psl-brasil


_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
SAIR DA LISTA ou trocar a senha:
http://listas.softwarelivre.org/mailman/options/psl-brasil

Responder a