Então meu caro siga em frente esmurrando ponta de facas. O que você propõe
não é nem de longe aberto porque exclui grande parte da comunidade muito
menos livre porque impõe a comunidade a uma situação do qual ela não foi
consultada. E novamente segue pelas vias de separação ao invés de unir
esforços para resolver o problema.

Você fala em "discutir conosco", mas vou repetir para não perder o costume:
De fora não é possível mudar a comunidade e inserir "mentes frescas" de
fora é causar atritos sem fim na comunidade existente. Não é também nem um
pouco colaborativo, diga-se.

Siga sozinho contrariando o bom senso pois a sua teimosia já cansou.

Otavio

Em 24 de fevereiro de 2012 11:16, Rodrigo Tetsuo Argenton <
rodrigo.argen...@gmail.com> escreveu:

> Precisa de um processo para cair as barreiras, a WMBr é 100% aberta e
> livre, o que não ocorre nos outros grupos.
>
> Eu não sei o que vão propor, mas atividades que tragam mais
> voluntários, melhora a comunidade, pois traz novas mentes, mentes
> menos viciadas, ex. Mas o ponto é para eles entenderem melhor e
> discutir conosco o como implementar, se for necessário criar um plano
> de ação conjunta.
>
> E não, não esqueci, eu deixei de lado mesmo, sério, não é necessário,
> sabemos a opinião deles, alias conhecemos eles melhor que eles, como
> disse, conhecemos quem reclama, quem estuda, quem dá suporte a
> eles... , quem é de lá e trabalha no offline está aqui. Veja se o
> contrário acontece ;)
>
> _______________________________________________
> WikimediaBR-l mailing list
> WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
> https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>



-- 
Abs,
Otavio
_______________________________________________
WikimediaBR-l mailing list
WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l

Responder a