http://www.hardware.com.br/noticias/2013-04/wikipedia-mariadb.html
http://blog.wikimedia.org/2013/04/22/wikipedia-adopts-mariadb/

Um grande site migrou nesta semana uma boa parte dos seus projetos para o
banco de dados MariaDB: nada mais, nada menos do que a Wikipedia.

O MariaDB é um substituto para o MySQL, completamente open source e que
conta com o apoio de inúmeros desenvolvedores antigos do MySQL.

Muita gente não está satisfeita com a situação atual do MySQL, que tem sua
versão comunitária e uma comercial, com mais recursos. No MariaDB essa
distinção não existe.

A Wikipedia usava uma versão derivada do MySQL personalizada pelo Facebook.
Agora migraram as bases de dados das edições em inglês e alemão da
Wikipedia para o MariaDB, além da Wikidata.

Alguns bugs encontrados no MariaDB durante a fase de migração foram
solucionados com o apoio dos seus desenvolvedores. O tempo de resposta
médio caiu de 15,4 ms para 12,7 ms. A grande maioria das consultas ficaram
entre 4 e 15% mais rápidas do que com a edição do MySQL personalizado que
estavam usando, enquanto que umas poucas ficaram cerca de 5% mais lentas.
De forma geral valeu a pena. Estima-se que apenas a versão em inglês da
Wikipedia gera cerca de 50 mil requisições ao banco de dados por segundo.

No anúncio feito nesta
semana<http://blog.wikimedia.org/2013/04/22/wikipedia-adopts-mariadb/>são
comentados detalhes do processo de migração, além de resultados dos
benchmarks, que podem ser vistos neste
PDF<https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/16/English_Wikipedia_mysql_5.1-facebook_vs_mariadb_5.5.30_read_query_comparisons.pdf>
.
_______________________________________________
WikimediaBR-l mailing list
WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l

Responder a