Jo, acho que podemos melhorar muito sim.

No que te dou mais razão é que talvez tenhamos ficado com alguma "timidez"
e receio de centralizar em nós algumas ações da mídia. Acho que você sabe
que sua opinião não é necessariamente a opinião de todos aqui e eu já
recebi "mensagens" dos mais diversos tipos: desde como a sua, achando
positivo, até quem ache que cada vez que aparece o nome de um de nós na
mídia estamos atropelando os voluntários ou querendo aparecer, ou nos
promover individualmente.

Além disso, a WMF é um pouco* low profile* (com o perdão da expressão em
inglês) em relação ao uso da mídia e quando eu estava como contratada lá de
fato não achavam que devíamos focar nisso.


Mas também coloco algumas pulgas aqui pra você:

1) Não sei se o que você sempre caracteriza como "resistência" a trabalhar
com a mídia procede. Além das entrevistas nos primeiros meses do projeto,
já houve N outras ações de mídia. Pra falar das mais recentes e/ou que
estão caminhando:
* Estamos caminhando pra uma parceria com a Nova Escola (eles responderam
hoje inclusive dizendo fechando uma proposta de uma postagem por semana,
mas vão mandar uma proposta de layout pra ver a questão da marca.
* já demos uma série de entrevistas e divulgamos coisas; Só pra falar de
duas das mais recentes
* Passamos pro Célio contato de jornalista, pra quem deu uma recentemente
pra FSP, pra fazerem um novo guia, por exemplo, mas algo parou lá na
apuração e disseram que é algo em que não podemos ajudar, pois diz respeito
a algum assunto alheio à Wikipédia - já perguntei N vezes - quem decide o
que e quando publica é a imprensa)
* Padula e eu divulgamos em N lugares o WLE - saiu em alguns, não saiu em
outros. Normal.
* no fim do ano passado ficamos um tempão com um jornalista da época que
estava tentando aplicar as descobertas da pesquisa do Aaron halfaker sobre
a WP em inglês na WP em português e o pesquisador mesmo pediu cautela, e
não quis trabalhar sob a demanda da imprensa. No caso, poderia até virar
uma matéria negativa. Tem quem defenda o "fale mal, mas fale de mim". Eu
não estou nem tão lá, nem tão cá. Acho que há fatores que devem ser
discutidos publicamente e nem tudo é positivo. Mas também acho problemático
quando induzimos a conclusões rápidas, que não necessariamente correspondem
à realidade, e ainda são negativos. Então há situações em que aparecer não
ajuda necessariamente.

2) sou jornalista e sei que se tem uma coisa que jornalista odeia é
assessor de imprensa tentando emplacar espaço gratuito na mídia o tempo
todo. Ou sentir que está "sendo utilizada", pra usar sua expressão. A mídia
quer histórias boas. Temos poucos jornais de grande circulação
(diferentemente dos Estados Unidos, por ex.). Então, mesmo que a gente
quisesse, não haveria uma matéria (de pauta positiva) significativa por mês
nos jornais. às vezes soa como se alguém falasse pra você assim: "divulga
lá na Wikipédia" e você responder sobre política editorial e tudo mais. Ou
seja, tem que ter contexto.

3) O que eu acho positivo no uso da mídia é dar visibilidade, atrair
interesse e trazer pessoas e aumentar o conhecimento sobre como funciona.
Mas, sinceramente, de nada adianta trazer gente e afugentá-los nas
primeiras tentativas de edição. Então ou a gente trabalha paralelamente a
recepção, ou é dar tiro no escuro e colher pouco os frutos disso, queimando
cartucho. Essa é minha opinião.


Sobre a Copa: eu concordo que serve como "agitação" e pensei algumas vezes
sobre isso. Acho inclusive que ainda está em tempo e que o melhor é atrair
pelo Commons (que é o valor principal da Copa ser no brasil - pra todo o
resto, a copa poderia acontecer em qualquer lugar do mundo). Mas também dá
pra atrair edição sobre os jogadores. O Célio até começou a trabalhar nisso
em diálogo com o grupo de usuários (inclusive, esse é o tipo de Ação pra
qual um catalisador pode ser um meio, mas não é necessário). E, pra mim, a
comunidade estava puxando isso. O Célio fez até álbum de figurinhas.

Vou pedir pra ele mandar pra cá e seguimos com a ideia - mais gente anima?

Oona



2014-06-09 22:29 GMT-03:00 Everton Zanella Alvarenga <
everton.alvare...@okfn.org>:

> Só não fiz nada sobre a copa pois estou fazendo esse aqui:
> http://vaimudar.org Eu tinha falado faz tempo que era uma ótima
> oportunidade, por exemplo, para o WikiVoyage.
>
> *Comunicação.*
>
> Daí é por a mão no bolso. Menos eventos, mais comunicação.
>
>
> Em 9 de junho de 2014 22:25, João <jolo...@gmail.com> escreveu:
>
> A resposta é a mesma mas não sei porque vc resiste tanto a utilizar
>> Imprensa. Midia. TV
>>
>> Tambem nao fizemos nada sobre a Copa no Brasil. poderia dar retorno
>> Em 16 tem olimpiada
>>
>> Em 09/06/2014 19:09, "Oona Castro" <oonacas...@gmail.com> escreveu:
>>
>> >
>> > Acho que a pergunta merece uma reflexão de vários de nós aqui, mas vou
>> colocar algumas ideias:
>> >
>> > O canal pra atingir esse público de forma concentrada (divulgar uma
>> oficina pra "seniores" é plenamente possível, mas sempre aparece aquela
>> história de risco de aparecerem 3, 4, 5) sempre foi um desafio. Até me
>> lembro de comentar isso na entrevista, porque não dá pra pegar a base de
>> dados do INSS e sair divulgando "edite a wikipédia" ;-)
>> >
>> > Recentemente, me ocorreu procurar associações profissionais que tenham
>> contato com sua base de profissionais recém aposentados, como por exemplo o
>> Conselho regional de medicina, inclusive aproveitando o gancho do polêmico
>> estudo divulgado de que 9 a cada 10 verbetes sobre medicina seriam
>> incorretos.
>> >
>> > Outra possível abordagem é tentar aprender com o editathon das minas,
>> que foi principalmente organizado e divulgado pelos grupos de referência
>> não da Wikimedia, mas das mulheres. Identificar, então, grupos já
>> organizados (e creio que raros) de seniores atuando com projetos de
>> internet ou que tenham alguma familiaridade. Mas como neste caso partiu
>> delas, só de partir de nós procurá-los já tornaria esse um caminho
>> diferente.
>> >
>> > Acho que a própria Wikipédia já conta com vários editores em faixas
>> mais avançadas de idade e seria importante ouvir deles opiniões também. Uma
>> das coisas que me desanimaram um pouco ao longo do tempo foi imaginar
>> alguns conflitos/obstáculos grandes nesse tipo de iniciativa. Não sei
>> também o quanto é preconceito da minha parte, mas exponho aqui até pra que
>> seja rebatido. Na experiência que tive em diálogo com algumas pessoas
>> isoladas (poderia nomear, mas acho desnecessário), parece-me que duas
>> características são comuns: ou pouca familiaridade com internet (ou grande
>> desconfiança em relação a conteúdo construído colaborativamente) ou, entre
>> os mais familirizados, uma grande tendência a imaginar que seu conhecimento
>> acumulado ao longo de muitos anos não pode ser questionado por "moleques"
>> que passam o dia na internet (um imaginário de que todos os outros além
>> dele próprio são imaturos ou sem estudo). Quando coloco isso, não quero
>> dizer que isso impeça um trabalho desses. Acho até que saber que há pares
>> em situação semelhante ajuda a superar o estigma. Mas acho que podem ser
>> levados em consideração se e quando resolvermos nos dedicar a projetos
>> semelhantes.
>> >
>> > Do ponto de vista de impacto e "eficiência", acho que projetos nessa
>> linha podem tanto adquirir um caráter mais social como realmente engajar
>> pessoas com muito conhecimento que passam a ter mais tempo disponível em
>> suas vidas e atividades como edição dos projetos Wikimedia podem
>> representar uma grande fonte de satisfação (mas paralelamente ao aumento da
>> expectativa de vida, também acompanhamos cada vez mais a necessidade de se
>> continuar trabalhando mesmo depois da aposentadoria. Então a premissa do
>> tempo livre torna-se bem relativa a meu ver).
>> >
>> > Oona
>> >
>> >
>> > 2014-06-09 18:42 GMT-03:00 Everton Zanella Alvarenga <t...@okfn.org.br>:
>> >
>> >> Essa ideia surgiu entre vários candidatos (acho que a Oona também deu
>> essa ideia) para o catalisador.
>> >>
>> >> Como implementar?
>> >>
>> >>
>> >> 2014-06-09 17:18 GMT-03:00 João <jolo...@gmail.com>:
>> >>>
>> >>>
>> http://rising.globalvoicesonline.org/blog/2014/06/09/senior-citizens-write-wikipedia/
>> >>>
>> >>> Estão convocando os veteranos
>> >>>
>> >>> João
>> >>>
>> >>> _______________________________________________
>> >>> WikimediaBR-l mailing list
>> >>> WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
>> >>> https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>> >>>
>> >>
>> >>
>> >>
>> >> --
>> >> Everton Zanella Alvarenga (also Tom)
>> >> Open Knowledge Brasil - Rede pelo Conhecimento Livre
>> >> http://br.okfn.org
>> >>
>> >> _______________________________________________
>> >> WikimediaBR-l mailing list
>> >> WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
>> >> https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>> >>
>> >
>> >
>> > _______________________________________________
>> > WikimediaBR-l mailing list
>> > WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
>> > https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>> >
>>
>>
>> _______________________________________________
>> WikimediaBR-l mailing list
>> WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
>> https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>>
>>
>
>
> --
> Everton Zanella Alvarenga (also Tom)
> Open Knowledge Brasil - Rede pelo Conhecimento Livre
> http://br.okfn.org
>
> _______________________________________________
> WikimediaBR-l mailing list
> WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
> https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>
>
_______________________________________________
WikimediaBR-l mailing list
WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l

Responder a