On 12/16/06, Dorneles Treméa <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
> temos algumas comparações entre DTML e ZPT em:

Só para deixar claro a minha posição: minha crítica ao ZPT não foi
para resgatar o DTML, que se tornou uma aberração e não me deixou
nenhuma saudade.

Por sinal, foi lá na falecida Hiperlógica que nasceu uma das primeiras
propostas de substituição do DTML por uma notação baseada em atributos
de tags: o HiperDOM concebido inicialmente por mim, desenvolvido pelo
Lalo, e apresentado à Zope Corp. (na época Digital Creations) em uma
visita ao escritório deles uns seis meses antes de ser lançado o ZPT.

Agora, é evidente que o ZPT sofre de uma sintaxe verbosa, e o Plone
abusa do ZPT, utilizando-o para fazer coisas que deveriam estar numa
API escrita em Python. A combinação destes dois fatores (verborragia e
abuso) é o problema que eu estou querendo discutir. Os mantenedores do
Plone sabem disso, e têm feito algo a respeito (o enxugamento do
infame global_defines.pt é um exemplo). Ainda há muito a fazer.

Mas reduzir o abuso do ZPT no Plone é apenas parte da solução. Eu acho
que o Zope poderia se beneficiar de uma nova notação para templates.
Talvez adotando alguma de outro framework já existente. Como são as
sintaxes de template do Django? E os template engines usados no Turbo
Gears?

[ ]s
Luciano

Responder a