by Edgard

Um sujeito está passeando pelo cais do porto. Num antiquário ele vê uma

estátua de um rato em bronze em tamanho natural. A estátua é realmente

bonita e o sujeito resolve comprá-la.

- Quanto é? - pergunta ele ao vendedor.

- 12 dolares pela estátua e 1000 dolares pela história dela - responde o

vendedor.

- Vou levar a estátua - diz o sujeito - mas, não quero essa história cara.

O sujeito sai da loja c/ a estátua do rato debaixo do braço.

Ao atravessar a rua, dois ratos saem de uma boca-de-lobo e o seguem.

Mais a diante, saem mais ratos de boca-de-lobos e de bueiros, que vão se

juntando e formando uma multidão.

Ao olhar pra trás e vendo esta horda, o sujeito se desespera e começa a

correr.

Mas, todos os ratos correm atrás. Ele, então, vai até a ponta do

cais e arremessa a estátua o mais longe possível pra dentro do mar.

E todos os ratos pulam pra dentro do mar, afogando-se.

Ainda tremendo com o susto, ele volta pra loja.

- Ah, o senhor veio comprar a estória! - Diz o vendedor.

- Não. - responde o sujeito

- Eu queria saber se o senhor tem uma estátua

de um Palmeirense!!!

 _____________________
Renato Lima
[EMAIL PROTECTED]

winmail.dat

Responder a