by Edgar


Seguem algumas perolas ditas por alguns jogadores. Destaque especial para a
do Nunes, a ver.

Acreditem se quiser, mas as frases são verdadeiras:

"Não foi nada de especial, chutei com o pé que estava mais à mão!"

João Pinto (jogador do Futebol Clube do Porto, de Portugal)

"O meu clube estava à beira do precipício, mas tomou a decisão correta: Deu

um passo à frente."

João Pinto (jogador do Futebol Clube do Porto, de Portugal)

"O difícil, vocês sabem, não é fácil..."

Vicente Matheus (Eterno presidente do Corinthians)

"Clássico é clássico e vice-versa..."

Jardel (Ex-atacante do Grêmio e Seleção Brasileira)

"Jogador é o Didi, que joga como quem chupa laranja..."

Neném Prancha (Ex-roupeiro do Botafogo, ex-técnico de

futebol de praia e filósofo da bola)

"Chegarei de surpresa dia 15, às duas da tarde, vôo 619 da VARIG..."

Mengálvio (Ex-meia do Santos, em telegrama mandado à família quando em

excursão à Europa)

"No México que é bom. Lá a gente recebe semanalmente, de quinze em quinze

dias..."

Ferreira (Ex-ponta-esquerda do Santos)

"Tenho o maior orgulho de jogar na terra onde Cristo nasceu..."

Claudiomiro (Ex-meia do Internacional-RS ao chegar em Belém do Pará para

disputar uma partida contra o Paysandu pelo Brasileirão de 72)

" Quando o jogo está a mil, minha naftalina sobe"

(Jardel, ex atacante do Grêmio)

" Não sei, chutei, a bola foi indo, indo.... e iu!"

(Nunes, ex atacante do Flamengo ao descrever um gol que tinha feito)

"Não venham com problemática que eu tenho a solucionática"

(Dadá Maravilha, ex jogador de futebol e primeiro marqueteiro do nosso

futebol)

"Só existem três coisas que param no ar: Beija-Flor; Helicóptero; e Dadá.

( O mesmo Dadá Maravilha da frase anterior)

"Eu disconcordo com o que você disse"

(Vladimir, ex meia do Corinthians em uma entrevista à Rádio Record)

"A moto eu vou vender, e o rádio eu vou dar pra minha tia"

(Josimar, ex lateral direito do Botafogo ao responder a um repórter o que

iria fazer com o Motoradio que ganhou como melhor jogador da partida)

"Bom, eu não achei nada, mas o meu companheiro ali achou uma

correntinha,acho que é de ouro, dá pra ele vender!"

(O mesmo Josimar ao ser perguntado o que ele achou do jogo)

Dedéu estava indo para o treino no Náutico e ao perguntar ao motorista do
táxi :

- Quanto deu a corrida?

R- R$ 11,50

-Puxa, eu só tenho R$10,00 você pode dar R$ 1,50 de ré?

O repórter entrevistando Dedéu após o jogo:

Dedéu, você foi o melhor jogador em campo e o Náutico sempre atua bem quando
você está em campo.

O Náutico joga bem comigo e sem migo.



_____________________
Renato Lima
[EMAIL PROTECTED]



winmail.dat

Responder a