Como não ir caçar patos
 -----------------------
 
 História verídica passada no estado do Michigan, EUA.

 Um  tipo comprou um Jeep Grand Cherokee novinho em folha por 30 mil e
 qualquer  coisa  dólares e ficou com uma prestação mensal de cerca de
 400  dólares. Imediatamente agarrou no seu melhor amigo e foram para
 um fim-de-semana de caça aos patos, só os dois.

 Como  é  Inverno,  todos  os lagos estão gelados. Estes dois cérebros
 atómicos vão para o lago com as caçadeiras, o cão, a cerveja e claro,
 o  novo  veículo.  Levam  o  carro  para  cima da superfície gelada e
 preparam-se.  Ora  bem,  eles pretendem criar um tipo de área natural
 para  os  patos  poisarem,  algo para os chamarizes flutuarem. Convém
 lembrar  que  está  tudo  gelado e, para se conseguir fazer um buraco
 suficientemente  grande  para  que  um  pato  errante queira descer e
 poisar nele, é necessário um esforço ligeiramente maior do que apenas
 uma  broca  para  o  gelo. Da traseira do novo Grand Cherokee sai uma
 barra de dinamite com um rastilho de 40 segundos.
 
 Estes  dois  cientistas  espaciais  levam  em  consideração  que,  se
 colocarem  a barra de dinamite no gelo a uma distância muito afastada
 do  local  onde  se  encontram  (e o novo Grand Cherokee), correrão o
 risco  de  escorregarem  no gelo quando correrem da barra de dinamite
 com  o  rastilho aceso e, possivelmente irem pelos ares em bocadinhos
 com  a  explosão.  Então  decidem acender o rastilho de 40 segundos e
 atiram a dinamite para o local escolhido.

 Lembram-se quando num parágrafo anterior foram mencionados o veículo,
 as  caçadeiras,  a  cerveja  E  O CÃO ? Sim, o cão. Um Labrador Negro
 altamente  treinado  para  ir  buscar objectos, especialmente aqueles
 atirados pelo dono.

 Adivinharam,  o cão corre com grande velocidade pelo gelo e agarra na
 dinamite  com  o  rastilho  de  40  segundos  quando esta cai no chão
 perante o espanto dos 2 idiotas aos gritos, aos saltos, a abanarem os
 braços violentamente e a pensarem no que fazer agora.

 Quanto  ao  cão,  bem, regressa feliz da vida com a barra de dinamite
 perante o olhar incrédulo dos dois imbecis que, entretanto, abanam os
 braços com maior violência e gritam e saltam mais alto do que antes.

 Então,  um  dos tipos decide fazer alguma coisa, algo nunca feito por
 ele  antes.  Agarra  numa  das  caçadeiras  e  dispara sobre o cão. A
 caçadeira  está  carregada  com  munições de caça ao pato, ineficazes
 para travar um Labrador Negro na sua missão. O cão para por momentos,
 ligeiramente  confuso e continua a sua caminhada. Outro tiro, e desta
 vez, ainda de pé, o cão fica realmente confuso e, claro, assustado, a
 pensar  que  estes  dois  vencedores  do Prémio Nobel da Inteligência
 ficaram  loucos,  e procura um abrigo, com o rastilho, agora bastante
 curto,  a  arder  na  barra  de dinamite. Onde se vai refugiar o cão?
 Debaixo do novo Grand Cherokee, 30 mil e qualquer coisa dólares + uma
 prestação  mensal de cerca de 400 dólares que continua parado sobre o
 gelo do lago.

 BUM !

 O  cão morre e o novo Grand Cherokee, 30 mil e qualquer coisa dólares
 +  uma  prestação  mensal  de  cerca  de  400 dólares (ou o que resta
 dele)submerge  até  ao  fundo  do  lago  deixando  estas  duas  almas
 patéticas  ali  de  pé  com aquele ar de *não acredito que isto tenha
 acontecido* nas suas caras.

 Mais  tarde,  o  dono  do  carro participa o incidente à companhia de
 seguros  que o informa que o afundamento de veículos em lagos por uso
 ilegal de explosivos não está coberto pela apólice. Ele tem ainda que
 efectuar  o pagamento da primeira prestação (para além das restantes)
 de cerca de 400 dólares mensais.

 Roleta Russa de maneira dificil

 Derrick  L.  Richardson,  28, foi acusado em Abril, em Minneapolis de
 homicidio em 3º grau do seu querido primo, Ken E. Richardson. Segundo
 fontes  policiais,  Derrick sugeriu um jogo de roleta russa e apontou
 uma  pistola  semiautomática  à  cabeça de Ken em vez de um revólver.
 (Para  aqueles  sem  instrução  em armas: Existe muito menos mistério
 neste  jogo  se for utilizada uma arma semiautomática, na qual a bala
 entra automaticamente na câmara de tiro.)

 O azar de não ter um fusível suplente no carro *.

 Arkansas Democrat Gazette, 25 de Julho, 1996:

 Dois  homens  ficaram  feridos  quando a sua pickup saiu da estrada e
 embateu  numa  árvore,  perto  de  Cotton Patch na autoestrada 38, na
 segunda-feira de manhã. O agente Dovey Snyder, da polícia de Woodruff
 County   reportou   o   acidente   pouco   depois  da  meia-noite  de
 segunda-feira. Thurston Poole, 33, de Des Arc e Billy Ray Wallis, 38,
 de Little Rock estão hospitalizados no Baptist Medical Center.

 O  acidente ocorreu quando os dois homens regressavam a Des Arc, após
 uma  viagem  de  caça.  Na noite de domingo, os faróis da carrinha de
 Poole  deixaram  de funcionar. Os homens concluiram que o fusível dos
 faróis da velha pickup se tinha queimado.

 Como  não  havia  nenhum  de  reserva, Wallis reparou que uma bala de
 calibre  .22  da  sua  pistola  encaixaria perfeitamente na caixa dos
 fusíveis,  perto  da  coluna de direcção. Após a inserção da bala, os
 faróis  funcionaram  perfeitamente  e  os dois homens retomaram a sua
 marcha em direcção à ponte sobre o White River .

 Após  viajarem  aprox.  35 kms, e antes de atravessarem o rio, a bala
 sobreaqueceu,  disparou  e  atingiu  Poole  no  testículo  direito. O
 veículo  guinou  bruscamente  para  a  direita,  saindo  da estrada e
 embateu numa árvore.

 Poole  sofreu  apenas  cortes e queimaduras ligeiras do acidente, mas
 irá  necessitar de intervenção cirúrgica para reparar a outra ferida.
 Wallis  fracturou  uma  clavícula,  foi  tratado e foi-lhe dada alta.
 "Graças  a  Deus  que  não estávamos na ponte quando o Thurston deu o
 tiro nos tomates, senão tínhamos morrido os dois" declarou Wallis.


Maneira errada de ir a um concerto dos Metallica

 A  policia  de  Gorge,  estado  de  Washington  emitiu  um comunicado
 relativo aos acontecimentos que conduziram à morte de Robert Uhlenake
 (24)  e  do  seu  amigo,  Ormond  D.  Young (27) no concerto da banda
 Metallica na última sexta-feira.

 Uhlenake  e Young foram encontrados já sem vida no Gorge Amphitheater
 depois  do  concerto.  Uhlenake  estava  numa pick-up que por sua vez
 estava  em  cima de Young no fundo de uma queda de 7 metros.Young foi
 encontrado com lacerações profundas, inúmeras fracturas, contusões, e
 um  ramo  na  sua cavidade anal. Ele também apresentava sinais de uma
 facada  na perna e os seus calções estavam numa árvore por cima dele,
 a  cerca  de  5  metros  do  solo;  adensando  o  mistério nesta cena
 inexplicada.

 Segundo  o  Comandante-em-chefe  Inoye  Appleton,  Uhlenake  e  Young
 tentaram  arranjar  bilhetes para o concerto que estava completamente
 esgotado.

 Quando   não  conseguiram  os  ditos  bilhetes,  os  dois  resolveram
 permanecer  no  parque  de  estacionamento  e  começaram  a  beber as
 cervejas que tinham levado.

 Uma  vez  iniciado o espectáculo, e depois de estes dois terem bebido
 18 latas de cerveja entre eles, tiveram a ideia de escalar a cerca de
 madeira  com 2 metros e meio de altura à volta do local do concerto e
 infiltrarem-se  no concerto. Aparentemente, os dois levaram a pick-up
 até à beira da cerca e decidiram que Young iria primeiro e assistiria
 Uhlenake depois.

 No  entanto,  não contaram com o facto de a cerca ter 2 metros e meio
 do lado parque de estacionamento , mas haver uma queda de 7 metros do
 outro lado.

 Young,  que  pesava  125  kgs e estava bastante alcoolizado, saltou a
 cerca  e  imediatamente  caiu aproximadamente 2 metros até uma árvore
 grande  lhe  ter parado a queda e um ramo lhe ter partido o antebraço
 esquerdo;  desafortunadamente,  também  ficou  preso pelos calções no
 dito ramo.

 Uma  vez  que estava com bastantes dores e sem maneira de se libertar
 (e  aos  calções)  do  ramo, Young decidiu, ao ver alguns arbustos em
 baixo,  cortar  os calções e deixar-se cair sobre a vegetação. Depois
 de  cortar  o último pedaço de tecido que o prendia, subitamente caiu
 em  direcção  ao  solo, largando o seu canivete. Os arbustos *macios*
 eram  na  realidade  *arbustos  sagrados*  (com  ramos bastante duros
 afiados)  e a aterragem forçada neles causou-lhe um número apreciável
 de  cortes.  Ele  teve  ainda  a infelicidade de cair sentado num dos
 ramos,  efectivamente  impalando-se a si próprio. O canivete, que ele
 largara 5 metros mais acima, desceu e apunhalou-o na coxa direita.

 Aparentemente,  ele estaria em grande sofrimento. Entra na cena o seu
 amigo,  Robert.  Uhlenake  conseguiu  observar  esta última parte dos
 acontecimentos  e,  apesar  do seu estado inebriado, apercebeu-se que
 Young estava em apuros. Então teve a ideia de atirar uma corda ao seu
 amigo e içá-lo por cima da cerca. Esta acção complicava-se pelo facto
 de  Uhlenake  ser  50  kgs mais leve que Young (que não poderia fazer
 esforços  para  colaborar  no  seu próprio salvamento). Mais uma vez,
 apesar  do seu estado alcoólico, apercebeu-se de que poderia utilizar
 a  pick-up  para  atar  a corda e içar Young. Infelizmente, devido ao
 álcool  (e  nervos),  Uhlenake  engrenou a marcha-a-trás, em lugar da
 primeira  velocidade,  rebentou com a cerca, aterrou em cima de Young
 (matando-o    instantaneamente),   foi   cuspido   da   carrinha   e,
 subsequentemente,  morreu  devido a lesões internas. "E foi assim que
 apareceu  um homem com 125 kgs, morto, sem calças, com uma pick-up em
 cima e um pau enfiado no rabo", afirmou o comissário Appleton.

 Mais pessoas "mentalmente deficitárias"

 Amy  Brasher,  de  45 anos de idade, foi presa em San Antonio, Texas,
 após   um   mecânico  ter  encontrado  18  pacotes  de  marijuana  no
 compartimento do motor do carro que ela tinha deixado na oficina para
 uma mudança de óleo.

 Segundo  a  polícia,  Brasher  declarou,  mais tarde, não saber que o
 mecânico teria que abrir o capot para mudar o óleo do carro.

 Portsmouth, R.I. A polícia acusou Gregory Rosa, 25, de arrombamento e
 roubo  de  uma  série  de  máquinas  de  venda automática de tabaco e
 comida, em Janeiro, quando ele:

 1.Desatou  a  fugir inexplicavelmente de dois polícias quando estes o
 viram a rondar uma das máquinas e

 2.posteriormente quis pagar a sua fiança de 400 dólares em moedas.

 Karen Lee Joachimi, 20, foi detida em Lake City, Florida, por assalto
 ao motel Howard Johnson's. Ela estava armada com uma serra eléctrica,
 que não estava ligada à corrente.

 A  coluna  criminal do Ann Arbor News anunciou que um homem entrou no
 Burger  King de Ypsilanti, Michigan às 7:50 da manhã, exibiu uma arma
 e exigiu o dinheiro da caixa. O empregado recusou a exigência dizendo
 que não podia abrir a caixa registadora sem um pedido de comida.
 
 Quando  o  assaltante  pediu  argolas  de  cebola fritas, o empregado
 disse-lhe  que estas não estavam disponíveis para o pequeno-almoço. O
 homem, frustrado, foi-se embora.

 Um  homem,  em Joanesburgo, África do Sul, deu um tiro na cara do seu
 amigo, de 49 anos de idade, ferindo-o gravemente, enquanto praticavam
 tiro-ao-alvo com latas de cerveja na cabeça um do outro.

 Uma  companhia  na  tentativa  de  prosseguir um recorde de 5 anos de
 total  segurança  no trabalho, exibiu um filme aos seus trabalhadores
 para os encorajar no uso de óculos de protecção no trabalho.Segundo o
 jornal  Industrial  Machinery  News,  as  imagens mostrando acidentes
 industriais eram de tal maneira horripilantes e ensanguentadas que 25
 trabalhadores   sofreram   ferimentos   ligeiros   com  a  pressa  de
 abandonarem a sala de projecção. Outros 13 desmaiaram e um homem teve
 que ser suturado na cabeça com 7 pontos depois de cair da sua cadeira
 durante a exibição do filme.

 O  Concelho  Municipal da cidade de Chico, na California, baniu o uso
 de  armas  nucleares,  fixando  uma  multa de cerca de 75 contos para
 qualquer  pessoa  que detone um engenho desse tipo dentro dos limites
 da cidade.

 Um  autocarro  com  5  passageiros  foi atingido por um carro, em St.
 Louis, mas quando a polícia chegou ao local, 14 pessoas tinham subido
 a  bordo  do  autocarro e começaram a queixar-se de ferimentos vários
 resultantes do embate e de dores nas costas.

 O  consultor sueco, Ulf af Trolle, trabalhou 13 anos na escrita de um
 livro de teorias e soluções económicas suecas. Ele levou o manuscrito
 de  250  páginas  para  ser fotocopiado, apenas para o ver reduzido a
 50,000  tiras  de  papel  em  poucos  segundos  quando  o funcionário
 confundiu a fotocopiadora com o aparelho de destruição de documentos.

 A   polícia   de   Radnor,   Pennsylvania,   interrogou  um  suspeito
 colocando-lhe uma placa de metal na cabeça e ligando-a com fios a uma
 fotocopiadora.  Um  papel  com  a  mensagem  *Ele  está a mentir* foi
 colocado na máquina, e a polícia carregava no botão de cópia cada vez
 que  suspeitavam  que  o homem não estava a falar a verdade. Pensando
 que o *detector de mentiras* funcionava mesmo, o suspeito confessou o
 crime.

 Quando  dois empregados de uma estação de serviço em Ionia, Michigan,
 recusaram  entregar o dinheiro da caixa a um assaltante embriagado, o
 homem ameaçou chamar a polícia. Como a recusa persistiu, o assaltante
 chamou a polícia e foi preso.

 Que *Plano de voo* ?

 Larry  Walters  encontra-se  entre os poucos que conseguiram tornar o
 seu sonho em realidade. A sua história é verídica, embora nos custe a
 acreditar

 . . .

 Larry era camionista, mas o seu sonho de sempre era voar.

 Quando  terminou  o liceu, alistou-se na Força Aérea, na esperança de
 se  tornar  piloto-aviador.  Infelizmente,  má  visão  reprovou-o nos
 testes  médicos.  Quando  terminou o serviço militar, ele teve que se
 contentar em observar os outros a pilotarem os jactos que cruzavam os
 céus sobre o seu quintal. Enquanto ficava ali a observar, ele sonhava
 com a magia de voar.

 Então,  um belo dia Larry teve uma ideia. Foi à loja de abastecimento
 de  material  militar  e  comprou  45 balões meteorológicos, bem como
 várias botijas de hélio. Estes balões não são propriamente iguais aos
 balõezinhos coloridos das festas, estes são superfícies esféricas com
 1,20  metros  de  diâmetro,  quando completamente cheios. De volta ao
 quintal,  Larry  usou  cordas para prender os balões à sua cadeira de
 praia  (espreguiçadeira),  ancorou  a  cadeira ao pára-choques do seu
 jipe,  e encheu os balões com o hélio. Depois, embalou algumas sandes
 e  cervejas,  e  carregou  uma  arma  de  pressão-de-ar, pensando que
 poderia  rebentar  alguns  do balões quando fosse altura de descer de
 volta à terra.
 
 Com  todos  os  preparativos  completos, Larry sentou-se na cadeira e
 cortou  a  corda  que  ancorava  a cadeira ao jipe, sendo o seu plano
 flutuar  lentamente  pelo  ar  até  cerca  de  10  metros  do  chão e
 ,eventualmente regressar a terra firme.

 Mas  o  plano  saiu  furado.  Quando Larry cortou a corda, ele não se
 elevou  lentamente pelo ar; subiu em direcção ao céu a uma velocidade
 assombrosa,  como se tivesse sido disparado de um canhão ! Nem sequer
 subiu  os  10  metros  pretendidos. Foi subindo até estabilizar a uma
 altitude  de  11000 pés! (aprox 3300 metros) A essa altitude, ele não
 iria  esvaziar  alguns  balões,  correndo  o risco de desequilibrar a
 espreguiçadeira  e,  aí sim, experimentar o que seria realmente voar.
 Então  ficou  lá  por  cima, vagueando durante 14 horas, sem qualquer
 ideia de como descer.

 Los  Angeles fica junto ao mar e, eventualmente, os ventos empurraram
 Larry  para  o  corredor de aproximação do Aeroporto Internacional de
 Los  Angeles.  Um  piloto  da  United  Airlines  informou  a torre de
 controlo  que  tinha passado por um tipo numa espreguiçadeira com uma
 arma no colo, a 11000 pés de altitude.

 A  torre de controlo pensou tratar-se de uma partida ou alucinação do
 piloto  mas  o  radar  detectou o objecto não identificado no local e
 altitude indicados pelo piloto. Um helicóptero foi então enviado para
 averiguar  o  que se passava. O aeroporto de Los Angeles fica à beira
 do oceano, e ao anoitecer os ventos mudam. Portanto, quando começou a
 cair  a  noite,  Larry  começou a dirigir-se para o mar, sempre com o
 helicóptero  em  perseguição.  O salvamento tornou-se complicado dado
 que  o  vento  gerado pelas pás da hélice afastavam Larry e a cadeira
 para  mais longe. A solução encontrada foi a colocação do helicóptero
 várias  dezenas  de  metros  acima  da  engenhoca,  onde  o vento não
 atrapalhasse  e  descer  um cabo que, finalmente, permitiu içar Larry
 para a segurança do aparelho.

 Assim  que  Larry pisou terra firme, foi preso por violação do espaço
 aéreo  restrito.  Quando  era  levado,  algemado,  pela  polícia,  um
 repórter  perguntou-lhe  a  razão  de  tudo  aquilo, ao que Larry, de
 maneira natural, respondeu: *Um tipo já não se pode sentar em paz !*

 Gás Natural *.

 "Em  conclusão, acender o fósforo foi o meu erro. Mas estava apenas a
 tentar  apanhar o rato", disse Vito Bustone aos divertidos médicos da
 unidade de queimados do hospital de Salt Lake City.

 Bustone,  e o seu parceiro homossexual Kikki Rodriguez, deram entrada
 no  hospital,  para  tratamento  de  emergência,  após  uma sessão de
 brincadeira  sexual  que  deu  para  o  torto. "Eu empurrei o tubo de
 cartão  pelo  recto  dele  acima e enfiei o Faggot (Maricas), o nosso
 rato  de  estimação, lá dentro" explicou ele. "Como é hábito, o Kikki
 gritou  "Armageddon", o nosso sinal demonstrativo de que já chega. Eu
 tentei  recuperar  o  Faggot  mas  ele não saía, então espreitei para
 dentro  do  tubo  e  acendi  um  fósforo pensando que a luz o poderia
 atrair".  Na  improvisada  conferência  de  imprensa, um porta-voz do
 hospital  descreveu  o  que se passou a seguir: "A chama inflamou uma
 bolsa  de  gás  intestinal  e  a chama resultante disparou pelo tubo,
 incendiando o bigode do Sr. Bustone e causando-lhe queimaduras sérias
 na face.

 Também  queimou o pelo e bigodes do rato, que, por sua vez, incendiou
 uma outra bolsa de gás, ligeiramente maior, um pouco mais para dentro
 do intestino, disparando o roedor para fora do ânus como uma bala."

 Bustone  sofreu  queimaduras  de  segundo  grau  e um nariz partido ,
 causado   pelo   impacto  do  rato,  enquanto  que  Rodriguez  sofreu
 queimaduras  de  primeiro  e  segundo graus no ânus parte inferior do
 intestino.  O  Sheriff  Hugo Root declarou mais tarde aos repórteres:
 "Eu  tenho  pena  é  do  Faggot.  Enfiado na entrada de serviço de um
 maricas".

-- 


              [],
                 1.000ton
 ________________         _      
 \__(=======/_=_/ ____.--'-`--.___   Visite Minha Home Page:
            \ \   `,--,-.___.----'   http://users.sti.com.br/yamato
          .--`\\--'../               http://users.sti.com.br/stoledo
         '---._____./]               http://sites.uol.com.br/filpo
                                     http://users.sti.com.br/gtraxx
 Nós saudamos as estrelas            http://www.fconline.net

Devemos esmagar impiedosamente qualquer ponto de vista que não respeite a diversidade 
de opiniões


---------------------------------------------------------------------
Você tem email?? Que tal mudar gratuitamente para [EMAIL PROTECTED]?
Visite http://www.email.com.br e faça seu pedido. Esse email é seu!
---------------------------------------------------------------------

Responder a