Em Sex, 2007-02-16 às 11:42 -0200, Jean Sestrem escreveu:
> Prezados amigos,
> 
> Estamos desenvolvendo um projeto de wi-max na nossa cidade de Itajaí, a
> parte técnica não me preocupa, já esta bem definido. Minha dúvida é a
> parte jurídica de prover internet gratuita. Tipo, o provedores podem
> encher o saco? como? quais os cuidados devemos ter? Preciso de ajuda,
> pois basta sanar essas didas para que eu possa publicar o edital de
> execução. Se tudo der certo em 60 dias o povo de itajaí será mais livre
> e incluído.

É bom você checar junto à Anatel. 

Existem faixas de freqüência no Wi-Max que são não regulamentadas (isto
é, podem ser utilizadas por qualquer um - e portanto - sujeitas à
interferência) e faixas regulamentadas, cujas freqüências devem ser
adquiridas em leilão público. 

Vale notar que, mesmo se utilizadas faixas não regulamentadas, os
equipamentos devem ter sido homologados pela agência.
> 
> Abraço a todos
> 
> Jean Sestrem
> Itajaí - SC
> 
> _______________________________________________
> PSL-Brasil mailing list
> PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
> http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
> Regras da lista: 
> http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil
-- 
Cheers,
Mauro

_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a