Em Ter, 2006-05-30 às 23:20 -0300, Thadeu Penna escreveu:
>    1. How many times does a FreeBSD
> buildworld/buildkernel/installkernel open each file and what are the
> file names?
>    2. What processes fork during a buildworld and how many times?
>    3. Quantize the size of reads during a buildworld.
>    4. Reading fields in the current thread structure.
> 
> Não sei que informação útil tirar de nenhum dos quatro exemplos
> acima :( 

Olá,

Imagine que o exemplo refere-se a uma ferramenta muito interna do
sistema (build) e que os dados extraídos ali certamente são de mais
valia para quem está trabalhando com o sistema de rebuild do freebsd
(debugando e/ou tentanto otimizá-lo). 
No entanto, se vc abstrair os exemplos, veja que poderá fazer o mesmo
com qquer outra aplicação, tipo: algo que vc esteja desenvolvendo e que
não esteja tendo o desempenho esperado em algum momento crítico de uso
no seu cliente. Algum gargalo que costuma ser sempre difícil
identificar. 
Nunca teve um caso daqueles em que o problema só acontece quando o
"administrador não está", ou mesmo em algum determinado tipo de uso da
ferramenta sob determinada condição ou estado do sistema/rede e tal?
Bem, um debug dinâmico iria facilitar bastante, indo certamente além do
que o loglevel de uma determinada aplicação poderá lhe informar, pois
trata de operações e estados subjacentes às operações no nível do OS. A
meu ver, isso facilitaria muuuito o dia-a-dia de qualquer administrador
que tenha alguns dos famosos "clientes chatos", não?

Abraços.

-- 

Open IT Soluções Tecnológicas 
(21) 2203-2510
http://www.openit.com.br
http://www.myfreebsd.com.br

-------------------------
Histórico: http://www.fug.com.br/historico/html/freebsd/
Sair da lista: https://www.fug.com.br/mailman/listinfo/freebsd

Responder a