Olá, 

Sobre a regra de Cramer para discutir sistemas, existem "professores"
que dizem que quando D=0, Dx=0, Dy=0 e Dz=0 o sistema é indeterminado.

Vejam o caso desse sistema, onde essa regra não vale:

x + y + z = 1
2x + 2y + 2z = 2
3x + 3y + 3z = 4

O sistema é obviamente impossível, mas D = 0, Dx=0, Dy = 0 e Dz = 0, o
que indicaria um sistema indeterminado. Acredito que seja essa
interpretação errada da regra de Cramer (que vale para se resolver um
sistema SPD) que esteja sendo citada.

Um grande abraço, 

Guilherme Marques.



-----Mensagem original-----
De: [EMAIL PROTECTED] [mailto:[EMAIL PROTECTED] Em
nome de niski
Enviada em: segunda-feira, 3 de maio de 2004 17:40
Para: [EMAIL PROTECTED]
Assunto: Re: [obm-l] Sobre a rpm e Integral


Não existe isso Henrique. Se voce viu um exemplo disso, trata-se que a 
Regra de Crammer foi mal enunciada.

Henrique Patrício Sant'Anna Branco wrote:

> Morgado, acho que ele se refere ao fato da Regra de Cramer algumas 
> vezes
> mostrar que um sistema é impossível quando não é.
> Não consigo lembrar um exemplo disso agora, mas existe essa
possibilidade.
>  


========================================================================
=
Instruções para entrar na lista, sair da lista e usar a lista em
http://www.mat.puc-rio.br/~nicolau/olimp/obm-l.html
========================================================================
=




=========================================================================
Instruções para entrar na lista, sair da lista e usar a lista em
http://www.mat.puc-rio.br/~nicolau/olimp/obm-l.html
=========================================================================

Responder a