A única ressalva que tenho em relação a proposta é o investimento em tempo
e recurso na capacitação de editores num grupo que não tem o perfil e a
competência necessárias para implementar adequadamente a tarefa. Posso
estar subestimando a capacidade dos alunos de ensino médio mas considero
mais prudente iniciativas com faculdades particulares, por exemplo, que
também buscam visibilidade e no qual é suposto seus alunos terem mais
conhecimento e responsabilidade. Investir tempo em alunos de ensino médio é
reforçar o viés sistemático do projeto de "bando de adolescentes", já
observado pelo público. Se faculdades forem inviáveis, talvez ONG's ou
Grupos da terceira idade mas o perfil tem que estar relacionado a atividade
como voluntário.

Em relação aos wikipedistas, pelo que observo do "Projeto Wikipédia
Educação" (ou algo do tipo), qualquer coisa que for feita estritamente
dentro das regras do projeto não enfrentará resistência. Mas alerto que é
preciso conhecer os pontos para evitar desgastes desnecessários a todos e
que certamente prejudica o sucesso do mutirão.

Otavio.

Em 14 de fevereiro de 2012 13:31, Rodrigo Tetsuo Argenton <
rodrigo.argen...@gmail.com> escreveu:

> Amores
>
> Não tenho acompanhado o GP como eu deveria, mas estou certo que ele será
> concluído nesse ou no próximo mês, certo?
>
> E ainda não teremos atingindo os 5 mil com qualidade mínima 3, certo?
>
> Que tal a gente começar a pensar em outra campanha, só que mais
> contundente e a gente a lança no meio do Iberocoof, se for no Brasil?
>
> A minha ideia é a gente contatar escolas de ensino médio e fazer uma
> competição entre elas. Até ai nada de mais. Mas o prêmio não vai para a
> escola, as três melhores escolas receberiam como prêmio um "Obrigado por
> doar um lar".
>
> Vou explicar, há uma ong que se chama Um Teto Para o Meu País, eles
> constroem, na primeira etapa de 3,  casas emergenciais para famílias em
> situação de risco e extrema pobreza, essas casas tem um custo aproximado de
> 3 mil reais e elas são construídas por voluntários em um final de semana.
>
> As escolas que atingissem uma meta de edição receberiam como prêmio a
> doação de uma casa para uma família,  talvez até conseguiríamos apoiadores
> para a compra dessas casas, ou mesmo compra de mais casas. O prêmio é mais
> forte que uns cacarecos e poderia gerar muito mais mídia, pois estamos
> gerando algo social, não algo capitalista marqueteiro e não é algo
> individual, é algo para uma família melhorar sua vida.
>
> E além disso, essas casas poderiam ser construídas pelos competidores,
> caso queiram. Então seria todo um processo, eles se unem nas escolas mesmo,
> começam a editar juntos, e depois podem construir juntos, e/ou conhecerem
> as famílias que receberam as casas. A seleção da família e tal ficaria a
> cargo do Teto, eles tem um sistema para isso.
>
> Os pontos fortes, gera mídia positiva para o grupo, o Teto tem uma
> visibilidade grande poderia somar a nossa, podemos ter muitos novos
> voluntários, podemos capacitar de uma forma mais fácil os voluntários, pois
> estarão em escolas e poderíamos utilizar a própria estrutura a escola para
> ministrarmos workshops, por exemplo. Poderíamos com isso estabelecer
> contatos com as escolas, para possíveis projetos futuros.
>
> Os pontos fracos, talvez percamos muita energia negociando com as escolas,
> e talvez não nos deem o retorno esperado, se não tiverem muitas escolas
> participando, não teremos tanta mídia, as escolas ficariam de certa forma
> presas no eixo Rio-SPaulo, pois é onde o Teto atuará em 2012, os valores
> das casas são altos e poderíamos fazer outras ações com a mesma verba, não
> sei quanto a aceitação dos Wikipedistas quanto a competição.
>
>
> Mais um coisa, lembra que falei que eram 3 etapas, a segunda é habilitação
> social que incluem projetos educacionais para a inserção dessas famílias na
> sociedade de forma digna, então para essa etapa, poderíamos utilizar esse
> material gerado para apoio dessa segunda fase também, ou seja, essa
> competição seria benéfica duplamente para as famílias.
>
> --
> Rodrigo Tetsuo Argenton
> rodrigo.argen...@gmail.com
> +55 11 7971-8884
>
> _______________________________________________
> WikimediaBR-l mailing list
> WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
> https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l
>
>


-- 
Abs,
Otavio
_______________________________________________
WikimediaBR-l mailing list
WikimediaBR-l@lists.wikimedia.org
https://lists.wikimedia.org/mailman/listinfo/wikimediabr-l

Responder a