Otimo marcelo sabr disso. Pelo menos temos mais um firme.

Em 25 de março de 2014 09:27, Marcelo Soares Souza
<marc...@juntadados.org>escreveu:

>
>   Eu nasci e me criei em Salvador, nós últimos anos até mesmo para
> conseguir conciliar a questão profissional com os meus ideais eu me
> mudei para Brasília.
>
>   Quer um pouco da minha história? Em 2002 eu ajudei a organizar o 1o
> Install Fest da Bahia, lá Universidade Católica do Salvador, antes disso
> organizei diversas pequenas palestras e cursos de GNU/Linux na UCSal.
>
>   No 1o Install Fest conseguimos reunir cerca de 600 pessoas, com a
> ilustre presença do Deputado Federal Walter Pinheiro, autor em 1999 da
> primeira lei a versar sobre Software Livre.
>
>   Em 2003 eu estava no auditório da UFBA quando Nelson Pretto lançava a
> pedra fundamental do PSL-BA, participei de praticamente todos os
> encontros do PSL-BA nós primeiros anos.
>
>   Estive junto no Fórum Baiano de Software Livre (2004) e participei,
> organizei e lutei pelo Software Livre desde então, estive em todos os
> Festivais de Software Livre, palestrando, discutindo e ajudando na
> organização em alguns momentos. Só na UCSal facilmente ajudei a
> organizar ou palestrei em pelo menos 3 dúzias de ações relacionadas a
> Software Livre.
>
>   Ajudei a fundar (e manter) um laboratório de pesquisa em computação de
> alto desempenho que utilizava apenas Software Livre (CEBACAD), desta
> ação até hoje mantenho uns pacotes para Debian, Ubuntu e Slackware
> (MPICH).
>
>   O CEBACAD derivou no ACSO na UNEB, hoje referência em Robótica e mantido
> pelo Prof. Josemar Rodrigues de Souza. Deste embrião esta surgindo agora
> no SENAI Bahia o maior cluster da América Latina (nenhum crédito meu,
> mas eu estava lá para ver).
>
>   Trabalhei com Inclusão Digital atendendo comunidades carentes no
> subúrbio e interior da Bahia. No Casa Brasil atendi as comunidades de
> Fazenda Coutos III, Liberdade, Plataforma e a cidade de Valente. Tudo em
> Software Livre, realizei ações de montagem de infraestrutura, palestras,
> oficinas e ações que pelas nossas contas atingiram diretamente pelo
> menos 600 pessoas de comunidades carentes. Diretamente, indiretamente
> nem sei contar.
>
>   Partir para o GESAC e visitei cerca de 100 pontos de presença GESAC,
> nestes pontos fiz palestras, oficinas e ajudei a montar ou manter parte
> da infraestrutura. Tudo em Software Livre. Atendi apenas o interior da
> Bahia e conheci um tanto do nosso estado.
>
>   Fui fundador (e um dos poucos remanescentes) do Projeto de Cultura
> Digital juntaDados, que além lá da distribuição juntaDados que foca
> ações de Cultura Digital e Software Livre, desenvolveu ações de
> capacitação em Software Livre e Cultura Digital (atendemos mais de 60
> pontos de cultura), desenvolvemos o agregador de conteúdo Rejunte.org,
> montamos e mantemos os nós das redes sociais Diaspora e Friendica, além
> do Mapa da Cultura (mapadacultura.org).
>
>   Isso é mantido até hoje de forma voluntária e nosso servidor mantém pelo
> menos meia dúzia de sites/portais/sistemas de ações de Cultura e
> Inclusão Digital de parceiros.
>
>   Não vou participar do Flisol em Salvador, mas estou participando aqui em
> Brasília desde que cheguei por aqui.
>
>
> > Marcelo nesses 10 anos, me fala o que cresceu em sl? Se é para criar um
> > distro e simples é somente mudar o wallpaper, pronto esta pronta mais uma
> > distro. Cara olha, eu não estou querendo o que a comunidade de forma
> > alguma
> > fique nas mãos de facebook ou qualquer outra rede. Quem sou eu para falar
> > isso. A única coisa que eu vejo é que nós  mesmos estamos nos afastando.
> > Um
> > exemplo, você é daqui de salvador? da região? Por que não vai em eventos
> > de
> > SL? Por que não ajuda diretamente para que os eventos aumentem? Isso é
> uma
> > chamado para poder fazer as coisas acontecerem e não se limitar somente
> em
> > Marcelo. O softwarelivre tem que crescer sim, tem que ter mais adptos?
> > sim.
> > Qual o problema nisso?
> >
> >
> > Em 25 de março de 2014 09:01, Marcelo Soares Souza
> > <marc...@juntadados.org>escreveu:
> >
> >>
> >>   Eu não tenho,
> >>
> >>   Minha conta de E-Mail é do riseup.net (até tive um gmail no passado),
> >> minhas redes sociais são o Diaspora*, Friendica e softwarelivre.org.
> >>
> >>   Mantenho meu próprio servidor, minha própria distribuição e sou
> >> usuários
> >> de GNU/Linux desde 1995, e nós últimos 10 anos trabalho somente com
> >> Software Livre, inclusive já pedi as contas de mais de um emprego quando
> >> me falaram que eu tinha que "me adaptar".
> >>
> >>   Não é difícil, tentem...
> >>
> >> > Levante a mão quem não tem conta no facebook, google+, gmail, orkut,
> >> > twitter, badoo,instagram, foursquare  AAHHAHAHHAH
> >> >
> >> > /me cansado de tanta hipocrisia.
> >> >
> >> > Abs,
> >> >
> >> > Alexos
> >> > _______________________________________________
> >> > PSL-BA mailing list
> >> > PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
> >> > https://listas.dcc.ufba.br/mailman/listinfo/psl-ba
> >> >
> >>
> >>
> >> _______________________________________________
> >> PSL-BA mailing list
> >> PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
> >> https://listas.dcc.ufba.br/mailman/listinfo/psl-ba
> >>
> >
> >
> >
> > --
> > -------------
> > Atenciosamente,
> >
> >
> > Cristiano Furtado dos Santos
> > CAD Analyst
> > Salvador - Bahia
> >
> > http://www.ekaaty.org
> > Ekaaty Linux Educacional um novo futuro para educação no Brasil.
> >
>
>
> _______________________________________________
> PSL-BA mailing list
> PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
> https://listas.dcc.ufba.br/mailman/listinfo/psl-ba
>



-- 
-------------
Atenciosamente,


Cristiano Furtado dos Santos
CAD Analyst
Salvador - Bahia

http://www.ekaaty.org
Ekaaty Linux Educacional um novo futuro para educação no Brasil.
_______________________________________________
PSL-BA mailing list
PSL-BA@listas.dcc.ufba.br
https://listas.dcc.ufba.br/mailman/listinfo/psl-ba

Responder a