Caramba, Bernardo!

Você tem toda razão...  Obrigado pela correção!
De fato, então, talvez o único eventual mérito tenha sido obter as equações
(r1-1)(X+Y) = 10 e
(r2-1)(X+Y) = 7,
mais diretamente.
Daí, segue-se a solução dos colegas...,
Mais uma vez obrigado!
Abraços,
Nehab

Em 16/04/2012 03:20, Bernardo Freitas Paulo da Costa escreveu:
2012/4/16 Carlos Nehab<carlos.ne...@gmail.com>:
2) Solução
X = 0,3737...  Y = 0,7373...
Na primeira base r1:
(r1^2-1).X = 3r1+7
(r1^2-1).Y = 7r1+3
Somando, (r1^2-1)(X+Y) = 10(r1+1), ou seja,
(r1-1)(X+Y)=10    (A)
Dai já sabemos que r1-1 = 1, 2, 5 ou 10. Mas r1>  7, logo r1 = 11 e X + Y =
1
Hum, X e Y são frações, certo? Porque então você insiste que X+Y seja
inteiro (única razão que eu vi para que r1 - 1 divida 10) ? Nesse caso
até que dá certo, mas sei lá, podia ser que X+Y = 1/2 (mas teria
talvez que mudar a expressão na base r2)

Abraços,

=========================================================================
Instruções para entrar na lista, sair da lista e usar a lista em
http://www.mat.puc-rio.br/~obmlistas/obm-l.html
=========================================================================

Responder a