Obrigado

Daniel Rocha da Silva

Em 5 de jun de 2019, à(s) 22:22, Matheus Secco <matheusse...@gmail.com> 
escreveu:

> Oi, Ralph, acho que você quis dizer trocar a linha 3 por essa combinação 
> linear que colocou.
> Você só pode trocar uma linha por ela mais uma combinação linear das 
> *outras*, certo?
> 
> Abraços 
> 
> Em qua, 5 de jun de 2019 22:20, Ralph Teixeira <ralp...@gmail.com> escreveu:
>> As propriedades importantes aqui sao:
>> 
>> -- O determinante nao muda se voce trocar uma linha (ou coluna) por uma 
>> combinacao linear dela com as outras;
>> -- O determinante eh linear em CADA linha (ou coluna); em particular, se uma 
>> linha eh divisivel por 13, voce pode "fatorar" este 13 desta linha para fora 
>> do determinante.
>> 
>> Entao, experimente trocar a linha L1 por 100*L1+10*L2+L3... Agora use o que 
>> voce tinha visto para "tirar" o 13 da primeira linha, e o que sobra eh 
>> claramente um inteiro.
>> 
>> Abraco, Ralph.
>> 
>>> On Wed, Jun 5, 2019 at 9:49 PM Daniel da Silva 
>>> <danielrochadasi...@icloud.com> wrote:
>>> Boa noite pessoal,
>>> 
>>> Não estou conseguindo um argumento para essa questão:
>>> 
>>> Mostrar sem desenvolver que o determinate de:
>>> 1Â  2Â  5
>>> 6Â  7Â  4
>>> 9Â  3Â  6
>>> 
>>> É divisível por 13.
>>> 
>>> Reparei que 169, 273, 546 são divisíveis por 13, mas não consegui 
>>> pensar em nada para usar isso.
>>> 
>>> Obrigado,
>>> Daniel
>>> -- 
>>> Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antivírus e
>>> Â acredita-se estar livre de perigo.
>>> 
>>> 
>>> =========================================================================
>>> Instruções para entrar na lista, sair da lista e usar a lista em
>>> http://www.mat.puc-rio.br/~obmlistas/obm-l.html
>>> =========================================================================
>> 
>> -- 
>> Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antivírus e 
>> acredita-se estar livre de perigo.
> 
> -- 
> Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antivírus e 
> acredita-se estar livre de perigo.

-- 
Esta mensagem foi verificada pelo sistema de antiv�rus e
 acredita-se estar livre de perigo.

Responder a